Felipe Neto detona páginas de fofoca: “eu não sei se é desespero”

Após páginas divulgarem fake news, o youtuber se pronunciou sobre o assunto

Itaú de Minas, 11 de junho, por Talita Souza do Diário Prime – Após páginas de fofocas divulgarem a existência de uma “cidade submersa” na floresta Amazônica, Felipe Neto se pronunciou. Revoltado com a divulgação de inverdades, o carioca gravou uma série de stories em seu Instagram rebatendo as informações divulgadas pelas páginas. “Eu não sei se é desespero ou vontade de querer acreditar em algo místico pra vida fazer algum sentido”, zombou o youtuber.

A princípio, Felipe Neto questiona o motivo das páginas “começarem a falar dessa loucura de cidade submersa da Amazônia”. Nesse sentido, ele comenta sobre o absurdo da teoria de que exista a tal cidade. “Uma coisa de teoria da conspiração, de que existiria uma cidade de 450 milhões de anos, que já foi a capital do mundo e que teria fortunas incalculáveis em baixo da Amazonia”.

Enfim, veja: Marina Ruy Barbosa faz revelação íntima sobre sua saúde; confira agora

Contudo, o youtuber alerta sobre o perigo desse tipo de coisa. Segundo Felipe Neto, são essas teorias da conspiração que abrem espaço que “gera essa galera carismática populista, que vem para salvar a humanidade” e acaba causando o caos. “Já começaram a inventar que os bilionários sabem da existência dessa civilização antiga, essa cidade, que tem ouro lá em baixo que dá pra deixar qualquer ser humano trilionário. Gente, que loucura!”.
Felipe Neto rebate a teoria da conspiração
Sobretudo, o youtuber trouxe dados históricos, que comprovam que não há como ter existido a antiga civilização na Amazônia. De acordo com Felipe Neto, a suposta cidade submersa seria mais antiga, até mesmo, do que os registros históricos de civilização humana. Coisa de louco, não?!

Além disso, o carioca aproveitou o espaço para questionar seus seguidores sobre a Floresta Amazônica. “Mas, a Amazônia por si só não é interessante? A maior floresta do planeta, a biodiversidade, tudo o que existe lá não é interessante. As pessoas precisam inventar uma cidade submersa escondida, que foi a capital do mundo”, disse.

Em seguida, confira: Sammy, ex de Pyong Lee, é flagrada aos beijos com Henrique Lima

Logo após as críticas de Felipe Neto, algumas páginas de fofoca postaram mensagens de retratação pela divulgação de fake news. No entanto, o assunto continua circulando nas redes sociais e sendo alvo de deboche por parte de alguns internautas. No Twitter, a página Choquei, que divulgou a “notícia”, está entre um dos assuntos mais comentados e sendo motivo de chacota entre os usuários da rede.
Internautas afirmam que teoria é verídica
Em contrpartida, apesar dos fatos apontados pelo Felipe Neto e da retratação por parte das páginas, ainda há quem acredite na existência da cidade. Nas redes sociais, tiveram internautas afirmando que a teoria é real. “Não é fake, sou de Manaus e é verdade sim!”, twittou um internou. “É fake segundo quem?”, perguntou outro.

Por fim, leia: Ana Maria Braga viraliza após aparecer com look diferente

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies