Gusttavo Lima investigado mais uma vez: cachê de 1,2 milhão e outras exigências para prefeitura

Goiânia, 28 de maio, por Ellen Alves. O nosso portal de notícias sobre os famosos no site do Diário Prime traz hoje mais uma matéria sobre o sertanejo Gusttavo Lima. Ou seja, o cantor mais uma vez será investigado pelo Ministério Público, dessa vez em Minas gerais.

 

O cantor Gusttavo Lima tem sido alvo de polêmicas após virar notícia por ser investigado pelo Ministério Público de Roraima. Ou seja, o cachê de R$800.000 mil para fazer um show em um interior do estado. A cidade que possui somente 8000 habitantes, pagará as despesas do show com o dinheiro dos cofres públicos em torno de R$100 por pessoa da cidade, incluindo crianças.

 

Confira também este post que está bombando em nosso portal: Sex0 a três entre Solange Gomes, Márcio Garcia e o irmão, chocam web

 

Portanto, veja nossos conteúdos sobre o mundo do entretenimento. Ou seja, você ficará por dentro de tudo que acontece nas redes sociais. O nosso blog é confiável e nossos redatores, profissionais. Além disso, deixe nos comentários a sua opinião sobre nossa matéria. Você é bem-vindo para conhecer e navegar mais pelo nosso portal de notícias.

 

Confira também essa matéria em nosso portal: Power Couple: imagens fortes mostram o que Rogério fez antes de desistir

 
Ministério Público vai investigar mais um show de Gusttavo Lima
Após essa especulação sobre shows caros no interior, custeados com dinheiro dos cofres públicos, instaurou-se o que os internautas chamam CPI do sertanejo. Ou seja, uma investigação sobre todos os pagamentos que as prefeituras fazem para levar um show de sertanejo, com dupla ou cantor para cantar na cidade.

 

Sendo assim, Gusttavo Lima chamou atenção ao ser convidado para fazer um show em Minas Gerais na cidade de Conceição de Mato Dentro. O evento faz parte da 30.ª Cavalgada Do Jubileu do Senhor do Bom Jesus, na data de 20 de junho. Outros cantores também participarão do evento como, por exemplo, Bruno e Marrone e Israel e Rodolfo.

 

Entretanto, uma coisa que chamou atenção é que além do cachê milionário, o sertanejo também exigiu hospedagem no melhor hotel da cidade. Além disso, também exigiu que custear sem as despesas de alimentação da equipe da banda em torno de R$4.000 mil por dia. Por isso, alguns internautas chegaram a comentar “engraçado esses cantores sertanejos que acusam outros de mamar na lei Rouanet, mas cobram despesas milionárias para fazer um show em uma prefeitura, e tudo com dinheiro público”.

 

Não saia do nosso site sem conferir essa matéria importanteExpulsão? Power Couple; Rogério surta e joga copo com água em Cartolouco

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies