Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Quais foram as transferências mais caras da atual temporada na Europa?

Futebol inglês lidera o TOP-10 com seis transferências entre as mais altas

A indústria do futebol movimenta milhões de euros todos os anos. A cada temporada que passa, os grandes clubes europeus elevam suas receitas, com patrocínios maiores, premiações mais altas e resultados expressivos no campo comercial. O resultado desta equação é a quantidade de contratações milionárias que ocorrem entre clubes, mesmo em uma época marcada por pandemia. Confira hoje (09/03) as transferências mais caras de 2020/2021.

O futebol europeu é onde os grandes talentos do mundo geralmente querem estar, pois é onde as equipes com maior poder econômico e as principais ligas estão. Como, por exemplo, a Liga dos Campeões da Europa, considerado o maior torneio de times do planeta.

Nacionalmente, existem cinco ligas consideradas como as principais. Premier League (Inglaterra), La Liga (Espanha), Bundesliga (Alemanha) Serie A (Itália) e Ligue 1 (França), são as divisões de elite dos cinco países citados. E é para onde os grandes nomes costumam ir.

Na atual temporada 2020/2021, novamente as maiores transferências aconteceram justamente para estes países, com maior destaque para o futebol inglês, onde clubes conseguiram efetuar a maior parte das 10 negociações mais caras.

Quais foram as transferências mais caras da atual temporada na Europa?
Quais foram as transferências mais caras da atual temporada na Europa? (Foto: Getty Images)

Leia mais: Clássico de Manchester: United aumenta superioridade no histórico geral

Ligas que mais movimentaram dinheiro em 2020/2021

A Premier League, com Chelsea, Arsenal e Manchester City sendo os destaques em termos de “gastança”, aparece com 6 das 10 maiores transferência do futebol mundial nesta temporada, considerando o período de agosto de 2020 até os dias de hoje.

Já a Serie A italiana movimentou milhões com Juventus e Napoli. Foram duas contratações com valores no TOP-10.

As ligas da França e da Espanha tiveram uma contratação no TOP-10, cada uma, com PSG e Barcelona.

Portanto, é fato afirmar que a Premier League foi a liga que mais movimentou dinheiro durante a atual temporada.

Dentre os 20 clubes que disputam a primeira divisão inglesa, o Chelsea aparece como o maior gastador do futebol europeu na atual temporada.

Leia também: 3 Jovens Emprestados Pelo Corinthians Para Ganhar Experiência Em 2021

Confira o TOP-10 das transferências mais caras de 2020/2021

  • 1º Kai Havertz (alemão) – do Bayer Leverkusen para o Chelsea

80 milhões de euros  – aproximadamente R$ 552 milhões

  • 2º Arthur (brasileiro)  – do Barcelona para a Juventus

72 milhões de euros  – aproximadamente R$ 497 milhões

  • 3º Victor Osimhen (nigeriano) – do Lille para o Napoli

70 milhões de euros – aproximadamente R$ 483 milhões

  • 4º Rúben Dias (português) – do Porto para o Manchester City

68 milhões de euros – aproximadamente R$ 469 milhões

  • 5º Miralem Pjanic (bósnio) – da Juventus para o Barcelona

60 milhões de euros – aproximadamente R$ 414 milhões

  • 6º Timo Werner (alemão) – do Red Bull Leipzig para o Chelsea

53 milhões de euros – aproximadamente R$ 365 milhões

  • 7º Ben Chilwell (inglês) – do Leicester para o Chelsea

50 milhões de euros – aproximadamente R$ 345 milhões

  • 8º Mauro Icardi (argentino) – da Internazionale para o PSG

50 milhões de euros – aproximadamente R$ 345 milhões

  • 9º Thomas Partey (ganês) – do Atlético Madrid para o Arsenal

50 milhões de euros – aproximadamente R$ 345 milhões

  • 10º Nathan Aké (holandês) – do Bournemouth para o Manchester City

45 milhões de euros – aproximadamente R$ 310 milhões

Leia ainda: Sem poder contratar, veja os reforços improváveis do Santos para 2021

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.