Covid-19 em Minas Gerais: número de casos tende a aumentar e vacinação pode ser antecipada para esta segunda (18/01)

Projeção de pesquisadores considera um aumento de 8 vezes no número de casos e Governador quer começar a vacinar a população ainda hoje

Conter a Covid-19 em Minas Gerais, bem como em outras partes do país, vem sendo algo complicado. Isso porque o comportamento “inadequado” da população, ainda mais no verão, é um dos principais motivos para o aumento no número de casos. Assim, a fim de evitar um colapso no sistema de saúde, o Governador Romeu Zema resolveu antecipar o início da primeira fase de vacinação para hoje (18/01).

Portanto, leia mais: Enem em Minas Gerais: a prova não foi adiada, mas muitos candidatos não fizeram

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, afirmou, através de uma rede social, que o Estado receberá, de início, 561 mil doses da vacina O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, afirmou, através de uma rede social, que o Estado receberá, de início, 561 mil doses da vacina – Foto: Canva Pro

Grande parte das pessoas vem agindo como se a pandemia tivesse acabado. Uns não usam máscara, se aglomeram, não mantém o distanciamento, nem fazem o isolamento social. Com isso, a Covid-19 em Minas Gerais pode alcançar cerca de 8 vezes mais casos, de acordo com pesquisadores da área.
Irresponsabilidade da população tende a aumentar o número de casos de Covid-19 em Minas Gerais
Segundo informações recolhidas dos índices de monitoramento da doença, pesquisadores fizeram uma projeção quanto ao aumento do número de casos. Tendo como base as viagens que os belo-horizontinos fizeram no fim do ano passado, até o começo de fevereiro, o sistema de saúde poderá lidar com 8 vezes mais casos positivos.

Para que isso não ocorra, os órgãos competentes fazem um apelo, não só para quem viajou, mas para toda a população. A recomendação é que todos se “autoisolem”, mesmo não apresentando nenhum sintoma.

É preciso ressaltar que alguns indivíduos podem ser assintomáticos. Isso quer dizer que, mesmo não tendo sintomas da doença, possuem o vírus, contaminando outras pessoas em caso de contato direto.

Ademais, confira também: Ponte Torta na Região Central das Minas Gerais se torna “ponte da morte” com acidente de caminhão

Grande parte das pessoas vem agindo como se a pandemia tivesse acabado Grande parte das pessoas vem agindo como se a pandemia tivesse acabado – Foto: Canva Pro

Dessa forma, a pandemia acabou entrando em uma fase contendo variantes do novo Coronavírus. Estas são as mais contagiosas que já foram identificadas até então. Portanto, o pico dos casos e das mortes na segunda onda, se mostra mais grave e alarmante que no início da disseminação.
Minas vai receber 561 mil doses da vacina para a primeira fase do plano de vacinação
O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, afirmou, através de uma rede social, que o Estado receberá, de início, 561 mil doses da vacina. Assim, disse também que a imunização deve começar ainda hoje (18/01).

A postagem foi feita logo nas primeiras horas da manhã. Zema está com outros governantes no Estado de São Paulo para que haja uma entrega representativa da Coronavac.

A vacina feita no Instituto Butantan, com a parceria do Sinovac, laboratório chinês, teve seu uso emergencial aprovado ontem, domingo, (17/01). A Anvisa permitiu seu uso, assim como as vacinas de outros laboratórios, devido ao carácter preocupante da disseminação da contaminação da doença no Brasil.

Romeu Zema disse que, imediatamente à chegada das vacinas, haverá a distribuição. Dessa forma, sem delongas, começará a aplicação para os grupos prioritários. Com isso, espera-se que, tão logo seja possível, aconteça a estagnação dos casos de Covid-19 em Minas Gerais.

Portanto, não deixe de verificar: Oscar foi para Minas Gerais: fotógrafa ganha prêmio e orgulha sua cidade

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies