Take a fresh look at your lifestyle.

Brasília discutira tolerância zero para criminalidade no rio

Apoiadores utilizam EUA como exemplo de eficácia.

Rio de Janeiro, 17 de julho de 2022, por Priscila Lívia — Deputados em Brasília irão voltar a discutir sobre a tolerância zero para a criminalidade. Brasília discutira tolerância zero para criminalidade no rio. Políticos destacam que método foi eficaz nos Estados Unidos contra a violência, e veja no blog Diário prime qual será o avanço se implementado no Brasil.

Brasília discutira tolerância zero para criminalidade no rio

O congresso nacional afirmou que nos próximos dias irá retomar as discursões sobre a Tolerância Zero, e como pode começar a ser implementada no Brasil.  O principal objetivo é reduzir os níveis de violência principalmente os cometidos por menores de idade.

Deputados federais apoiadores da mudança alegam que conceito é eficaz, pois quando implementado nos Estados Unidos da América, proporcionou a redução de mais de 60% dos casos de violência.

Além da movimentação da Câmara Federal, há uma grande mobilização de deputados estaduais do Rio de Janeiro mostrando apoio para as mudanças. Todos os apoiadores a favor de que a mudança aconteça, apenas afirmam que basta todos os governos se unirem e “querer fazer algo” para o bem de todos.

O que seria a Tolerância Zero?

A teoria da Tolerância Zero tem em seu conceito que nenhum tipo de crime deve ficar impune. E que sempre se devem punir com extremo rigor para que possa servir de exemplo para os demais e não volte a acontecer frequentemente.

Deste modo acredita-se que criminosos iniciantes, retirados de circulação antes que começassem a praticar crimes com mais gravidade. Mesmo com especialistas criticando a utilização dessa metodologia, já que grupos moradores de periferia podem ser os mais prejudicados.

Outros afirmam que a implementação desta teoria seria a única saída para uma mudança nos gráficos de violência no Brasil. E que se a teoria funcionou com positividade nos outros países, também seria benéfico para nosso dia a dia.

Poderia ser o início da mudança

Para apoiadores da mudança o grande início da implementação seria a aprovação da redução da maioridade penal. Já que poderia aplicado penas exemplares em jovens de 14 anos que começam a praticar pequenos delitos. Então com o tempo só vão piorando a gravidade.

Palavras do  Gurgel ao jornal O Dia.

“O Rio de Janeiro, por exemplo, perdeu empresas para outros Estados por causa da violência, que também é a culpada por um enorme peso fiscal para o Estado com a morte e mutilação de policiais. Um peso previdenciário muito grande para o Estado, que se materializa em uma dor muito grande para a família, e um desestímulo muito grande para as forças de Segurança Pública. As pessoas que são vítimas da violência também se tornam escravas do crime organizado e da violência. Então, quando a gente fala de Tolerância Zero, nós estamos falando de não permitir armas nas mãos de bandidos também, e por isso, as penas, por exemplo, para o tráfico de drogas precisam ser triplicadas“.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.