6 times estão na luta pelo título do Brasileirão 2020: quais têm mais chances?

De São Paulo a Grêmio: veja quais equipes estão na luta pelo troféu de campeão

Com os tropeços recentes do São Paulo, atual líder, a concorrência pelo troféu de campeão da Série A aumentou consideravelmente nos últimos dias. Faltando apenas oito rodadas para o final do Brasileirão 2020, seis times estão vivos na luta pelo título de campeão nacional da temporada. Mostraremos hoje (20/01) quais têm mais chances.

O São Paulo é o líder do Campeonato Brasileiro há várias semanas, depois de ter conseguido engrenar uma grande série de resultados positivos entre novembro e dezembro de 2020. No entanto, tem visto os adversários se aproximarem em meio à uma sequência de três jogos sem vencer.

Com desfalques importantes no setor ofensivo, o time tricolor só somou um ponto nos últimos nove que disputou. Em contrapartida, viu o Internacional vencer todas as partidas. E até o sexto colocado, Grêmio, tornou-se uma ameaça real de título.

Leia mais: Quem É Claudinho? Um Dos Destaques Do Red Bull Bragantino No Brasileirão 2020

Atualmente, o São Paulo lidera a competição nacional com 57 pontos. Já o Grêmio tem 50 pontos conquistados e uma partida a mais para disputar até o fim da competição. Ou seja, a distância pode ser encurtada para quatro e acirrar ainda mais a luta pelo troféu.

Faltando oito rodadas para o final do Campeonato Brasileiro, sabe-se que a projeção para ter grandes possibilidades de ser campeão nacional nesta temporada é a partir de 71 pontos, segundo os matemáticos.

Com mais 24 pontos em disputa – 27 para alguns que estão com um jogo a menos – quem tem mais chances de ser campeão brasileiro de 2020? Confira abaixo.

6 times estão na luta pelo título do Brasileirão: quais têm mais chances? 6 times estão na luta pelo título do Brasileirão: quais têm mais chances? (Foto: Lucas Uebel/Getty Images)

São Paulo ainda continua como favorito para levantar a taça de campeão do Brasileirão 2020
É comum encontrar estudos feitos por matemáticos especializados em cálculos de probabilidades do futebol na reta final de cada Campeonato Brasileiro. Na atual edição, não tem sido diferente.

Diversos sites conquistam o interesse público com projeções matemáticas sobre o futuro das competições nacionais. Para esta matéria, levamos em consideração o estudo feito pela equipe de professores e pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

De acordo com o estudo, o São Paulo, mesmo com o tropeço, continua sendo o time com maior probabilidade de ser campeão brasileiro nesta temporada, com 31,4%.

No entanto, é válido ressaltar que as chances diminuíram pela metade em relação à três rodadas atrás, quando a equipe havia aberto uma distância de sete pontos para os rivais e chegou a ultrapassar a marca de 60% de chances de ser campeão.

Além do Tricolor Paulista, times como Internacional, Atlético Mineiro, Flamengo, Palmeiras e Grêmio possuem chances reais de conquistar o título neste ano.

Leia também: Não foi só Adílson: relembre treinadores que tiveram problemas de saúde
Inter e Galo são os principais concorrentes do São Paulo
Em grande fase, o Internacional venceu seus últimos seis jogos disputados no Brasileirão e pulou para segundo lugar, ficando apenas um ponto atrás do líder São Paulo.

As chances do Inter são de 26,1%.

Já o Atlético Mineiro, praticamente imbatível quando joga dentro de casa, está apenas quatro pontos atrás do líder – com um jogo a menos – tem 20% de chances de título.
Confira a probabilidade de título dos 6 times que mais têm chances

São Paulo – 31,4%
Internacional – 26,6%
Atlético Mineiro – 20%
Flamengo – 8,3%
Palmeiras – 7,7%
Grêmio – 6,2%

Portanto, a reta final do Brasileirão 2020 promete ser emocionante.

Leia ainda: Aos 35 anos, Diego Souza é o artilheiro isolado da temporada 2020/2021

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de privacidade e cookies