Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Profissões com formação em nível técnico lideram o crescimento. Foto/Reprodução

Profissões de nível técnico: veja as que mais cresceram nos últimos 10 anos, escolha a sua

Qual a melhor profissão para 2019, quais os setores que mais cresceram em número de profissionais. Confira as profissões que mais cresceram na última década dentro do mercado de trabalho no país, entre elas estão as ligadas a área de saúde, da educação infantil, agroindústria e não poderia faltar as ligadas a área de TI – Tecnologia da informação.

Os dados levantados pelo Ministério do Trabalho, mostram também as 20 carreiras, que tiveram mais acréscimo de profissionais entre os anos de 2007 até 2017.

Profissionais da área de saúde lideram o ranking das 10 profissões que mais cresceram

Na área de saúde, uma das profissões que mais cresceram, com alta de cerca de 547%, foi a de cuidadores de idosos, que no Brasil passou de 5.263 profissionais para 34.051 profissionais capacitados. A ocupação foi a que mais obteve crescimento no período relatado, o principal aumento foi notado nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

Entre as profissões que mais cresceram nos últimos 10 anos, as com formação nível técnico lideram o crescimento

Um dado interessante, é que, do total de profissionais que entraram para este mercado de trabalho, 85% são mulheres, sem formação superior, mas com ensino médio completo.

Ainda na área de saúde, os profissionais que atuam como preparadores físicos representaram um aumento de 327%, ocupando a terceira posição no ranking.
Foram 20.952 novos profissionais, com a maior participação liderada pelo sexo masculino, com homens na faixa de 25 a 39 anos.

Profissões com formação em nível técnico foram as que mais cresceram. Foto-Reprodução
Profissões com formação em nível técnico foram as que mais cresceram. Foto-Reprodução

Já a  segunda profissão com maior aumento foi a de professor na área de educação infantil, de nível superior, obtendo um crescimento de 398%. A profissão registrou 42.391 novos trabalhadores no período. Também com maior número sendo de homens, com idade entre 30 e 49 anos.

Mercado de trabalho em  2019 exigirá cada vez mais qualificação e atualização

Segundo declarou o ministro do Trabalho, Caio Vieira de Mello, o mercado está cada vez mais dinâmico, exigindo constante atualização e qualificação de profissionais, principalmente para atender novas demandas, como por exemplo o aumento na demanda de cuidadores de idosos no Brasil.

“O trabalhador qualificado é aquele que será empregado. Dado o desenvolvimento do mundo, todos precisam estar preparados para ter um futuro assegurado”, disse o ministro.

Ocupação / Profissão 2007 2017 Aumento
1. Cuidador de idosos 5.263 34.051 547%
2. Professor de nível superior na educação infantil (0 a 3 anos) 8.513 42.391 398%
3. Preparador físico 6.932 29.625 327,40%
4. Operador de colheitadeira 4.282 15.110 252,90%
5. Analista de informações (pesquisador de informações em rede) 4.011 13.002 224,20%
6. Instalador-reparador de redes telefônicas e de comunicação de dados 6.912 20.925 203,10%
7. Técnico de enfermagem 199.506 593.115 197,30%
8. Operador de telemarketing técnico 9.426 27.161 188,10%
9 . Técnico de rede (telecomunicações) 7.049 19.332 174,30%
10. Técnico em saúde bucal 4.277 11.486 168,60%
11. Fisioterapeuta geral 20.842 54.066 159,40%
12. Técnico em manutenção de máquinas 8.277 20.971 153,40%
13. Analista de folha de pagamento 7.168 18.067 152,10%
14. Técnico de garantia da qualidade 18.338 45.558 148,40%
15. Gerente de logística (armazenagem e distribuição) 11.266 27.821 146,90%
16. Controlador de entrada e saída 24.817 61.148 146,40%
17. Economista do setor público 4.038 9.738 141,20%
18. Analista de recursos humanos 32.309 77.122 138,70%
19. Professor de educação física no ensino superior 4.294 10.195 137,40%
20. Pedagogo 17.793 42.039 136,30%

 

Profissão de operador de colheitadeira, aparece na quarta posição

Na Agroindústria, com a mecanização da lavoura em franco crescimento, a função de operador de colheitadeira, ou operador de maquinas e implementos, vem como a quarta profissão que mais teve crescimento.

Profissões com formação em nível técnico lideram o crescimento

Um dado interessante, é que entre as profissões que mais cresceram, as maioria é de formação em nível técnico, como a de instalador e reparador de redes telefônicas e de comunicação de dados, Técnico de enfermagem, Operador de telemarketing técnico, e outras.