Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

UFC tem brasileiro entre os maiores nocauteadores


Não perca nenhum conteúdo de nosso Blog. Clique no botão abaixo e fique atualizado!

Atenção: Siga o Diário Prime no Google News e assine nosso Canal no You Tube!

A luta no UFC São Paulo de Ronaldo Jacaré não foi aquilo que esperávamos, por outro lado o Charles do Bronx prometeu o que cumpriu e apesar de não ter sido a luta principal, foi sem dúvidas que mais brilhou.

Já Shogun se mostrou bastante insatisfeito com o resultado apresentado pelos juízes, isso porque o brasileiro acredita ter sido superior no UFC São Paulo. A decepção foi clara em sua face na hora do resultado.

2° maior nocauteador do UFC

Charles do Bronx fez uma luta impecável ontem no UFC São Paulo que foi realizado no ginásio do Ibirapuera.

O brasileiro que lutava literalmente em casa, já que é de São Paulo, “passou o trator” pelo Jared Gordon que foi nocauteado ainda no primeiro round.

Assim, Charles que tem 15 vitórias por nocaute assume a posição de segundo maior nocauteador do UFC. Mas garante que o seu objetivo é ultrapassar Donald Cerrone que tem 16.

Na luta, Charles não deu chances para Gordon, acertando um belíssimo jeb enquanto andava para trás. Isso foi o suficiente para desequilibrar Gordon, que ao tentar levantar, recebeu um gancho finalizador.

Com essa vitória, Charles soma 6 seguidas a sua carreira e ocupa na classificação geral a 13° posição.

Então para fechar com chave de ouro, além da vitória, Charles saiu do UFC São Paulo com um prêmio de 50 mil dólares, prêmio de melhor luta da noite. Agora o brasileiro quer enfrentar Conor McGregor, segundo ele, está pronto para nocautear McGregor também.

As Lutas polêmicas

As outras lutas estreadas pelos brasileiros foram muito polêmicas. A começar pela luta do Shogun.

O brasileiro começou tomando um aperto do escocês, levou muitos golpes e não conseguiu lutar da forma que queria.

No entanto, a partir do segundo o ex-campeão do UFC e Pride, se soltou e partiu para cima do escocês. Foi literalmente uma mudanças de papéis e assim permaneceu até o fim dos rounds.

Ao soar o gongo e o juiz declarar o vencedor, Shogun se mostrou bastante decepcionado. Isso porque os árbitros laterais consideraram a luta como empate. Mas para Shogun e demais participantes da sua equipe ele tinha sido indiscutivelmente superior a partir do segundo round.

Já a luta principal, não foi nada do que se esperava para a noite. Com Jacaré estreando na categoria meio-pesado contra Jan Blachowicz um nome de peso no UFC.

Assim a luta foi muito equilibrada de ambas as partes, o que a tornou monótona e sem ação. Jacaré não conseguiu levar a luta para o solo e também não se expôs muito em cima.

Ao término da luta, os dois lutadores foram vaiados por quem estava no ginásio. Mas quem levou a vitória foi o polonês.

Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!