Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Fórmula 1: Hamilton muito próximo de ser campeão


Não perca nenhum conteúdo de nosso Blog. Clique no botão abaixo e fique atualizado!

Atenção: Siga o Diário Prime no Google News e assine nosso Canal no You Tube!

O GP de Fórmula 1 do México foi marcado por acidentes e muitas surpresas.Assim, tivemos o acidente de Bottas no treino classificatório, a pole conquistada por Verstappen e a Red Bull, a perda da pole por punição.

No entanto, o que mais estava gerando expectativa, era a possível conquista antecipada do campeonato de Lewis Hamilton, que não aconteceu. Mas agora ele só precisa de 4 pontos para levar se consagrar campeão e isso tem grandes chances de acontecer na próxima prova.

Fórmula 1 praticamente já te Hamilton como campeão

4 pontos para o campeonato da Fórmula 1

O inglês mostrou hoje o porquê está próximo de se tornar o hexacampeão mundial de Fórmula 1. Hamilton que largou na terceira posição depois da punição recebida por Max Verstappen, começou a traçar a vitória na corrida.

Apesar de adversários de peso à sua frente, Hamilton conseguiu assumir a liderança. Além disso, ainda rodou 47 das 71 voltas do GP do México de Fórmula 1 com pneus duros, controlando Vettel e Bottas que vinham logo atrás.

Com isso, Hamilton fica mais próximo de levar o campeonato pela 6° vez. Essa conquista do campeonato poderia ter acontecido hoje, mas para isso o inglês precisaria de 14 pontos na frente do seu companheiro de equipe. Entretanto, com Bottas terminando na terceira posição, a diferença de pontos entre os dois foi de apenas 10 pontos.

Levando mais este título, Hamilton ficará a apenas um de igualar o recorde de Michael Schumacher, que são 7 campeonatos mundiais de Fórmula 1.

O inglês com essa vitória está próximo de quebrar outro recorde também, pois com essa, Hamilton fez 83 vitórias e está a 8 de empatar com Schumacher que atualmente é o maior vencedor da história.

Dia nada bom para os poles

O GP do México de Fórmula 1 começou e acabou de forma inesperada, isso porque o treino classificatório de sábado acabou com o piloto da Red Bull, Max Verstappen, na pole.

No entanto, com o acidente sofrido por Bottas, Verstappen não diminuiu a velocidade o que lhe ocasionou uma punição. Dessa forma, o holandês acabou largando na quarta posição.

Quem acabou assumindo a pole depois da descida de Verstappen, foi o Leclerc. No entanto, a estratégia assumida pelo piloto da Ferrari não foi muito assertiva e o fez terminar a prova na quarta colocação.

Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!