Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.
Tomb Raider fará 23 anos de lançamento: veja 7 curiosidades da franquia

Tomb Raider fará 23 anos de lançamento: veja 7 curiosidades da franquia

O primeiro jogo da franquia Tomb Raider foi lançado em 1996 e, prestes a completar 23 anos, continua a conquistar novos fãs em todo o mundo. Parte dessa nova leva de admiradores, naturalmente, é resultado da nova roupagem que a franquia recebeu nos últimos anos, tanto nos videogames quanto no cinema. O jogo Shadow of the Tomb Raider, lançado em 2018, foi o último capítulo do reboot iniciado em 2013.

Dentre as novidades que cercam a franquia, é possível citar o lançamento de um jogo de caça-níqueis, programado ainda para este ano. Ainda sem título definido, o slot inspirado nas aventuras de Lara Croft representa a quebra de uma barreira entre a indústria do iGaming e dos videogames, o que pode resultar em ótimas novidades aos fãs dos cassinos online.

Em breve, também devemos ter mais informações sobre o segundo filme da franquia, que trará Alicia Vikander mais uma vez no papel da protagonista. E, enquanto as novidades não chegam, é possível conhecer algumas das curiosidades presentes dos 23 anos de Tomb Raider.

Ascendência sul-americana

Por muito pouco Lara Croft não possuiu ascendência sul-americana e foi nomeada de Laura Cruz. No entanto, os desenvolvedores do jogo decidiram que a personagem seria britânica na história do game. Uma outra curiosidade é que o nome que acabou sendo eternizado pela franquia de aventura foi escolhido aleatoriamente, por meio de uma lista telefônica.

Um homem protagonista?

Antes do lançamento da franquia de videogames, uma questão essencial for levantada pelos desenvolvedores do jogo: qual seria o sexo do personagem principal? Atualmente, já tendo a imagem da Lara Croft – em suas diferentes versões – cristalizadas em nossas mentes pode ser difícil imaginar um homem em seu lugar. No entanto, era exatamente essa a propostos inicial: ter mais uma franquia de jogos com um protagonista masculino. Felizmente o projeto tomou um rumo diferente visando diminuir as comparações com Indiana Jones.

Inspiração para o figurino

O figurino clássico utilizado por Lara Croft, ou seja, os shorts e a regata, foram inspirados em outra personagem icônica da cultura pop: Ellie Sattler, que estreou nos cinemas três anos antes do lançamento de Tomb Raider no clássico Jurassic Park. A personagem foi interpretada pela atriz Laura Dern, que recentemente roubou a cena na segunda temporada da série Big Little Lies, da HBO.

Guinness Book

Lara Croft entrou, em 2006, para o Guinness Book, o livro dos recordes. Atualmente, a personagem possui duas entradas no livro: personagem feminina mais bem sucedida da história dos games e personagem humana mais bem sucedida da história dos games.

Recordes também no cinema

Lançado em 1991, o filme Tomb Raider, estrelado por Angelina Jolie, foi, durante muito tempo, o filme mais bem sucedido da história com uma heroína isolada no protagonismo, tendo atingido uma arrecadação total de US$ 274 milhões ao redor do mundo. Sem dúvida, a personagem foi umas das responsáveis por pavimentar no cinema o caminho que culminou no surgimento de outras grandes produções, entre filmes e séries, protagonizadas por mulheres.

Lara Croft no cinema

Diversas atrizes passaram por testes e foram cotadas para assumir o papel de Lara Croft no cinema. Dentre os nomes cogitados para o primeiro filme, lançado em 2001 e que acabou sendo estrelado por Angelina Jolie, também chegaram perto as atrizes Jennifer Lopez, Catherine Zeta-Jones a Ashley Judd. Já o reboot da franquia, lançado em 2018 e que contou com Alicia Vikander no papel principal, quase foi estrelado por nomes como Daisy Ridley, Emilia Clarke, Saoirse Ronan e Cara Delevingne.

Uma diretora para a franquia

Alicia Vikander, que em 2018 assumiu o papel principal da franquia Tomb Raider nos cinemas, declarou em entrevistas que se sentiu incomodada pela falta de mulheres no set do filme, especialmente no que diz respeito a função de diretor. Ainda que nomes como Kathryn Bigelow (Guerra ao Terror), Mimi Leder (Impacto Profundo) e Catherine Hardwicke (Crepúsculo) tenham sido cogitados, o estúdio preferiu escolher um homem para a direção do longa.

Comentários
Loading...