A Prefeitura de João Pessoa, anunciou ontem, 25, que está trabalhando para mitigar os efeitos das fortes chuvas que o município está sofrendo. De acordo com a Prefeitura, está chovendo 60% a mais do que normal esperado para a esta época do ano.

 

As consequências foram as mais variadas, dentre elas o transbordamento dos rios em Gramame.  Só nas últimas 72 horas, de acordo com a Prefeitura, choveu 224 milímetros, origem da cheia dos rios. Os rios afetaram a passagem da avenida Tito Silva, comunidade São Rafael e Padre Hildon Bandeira.  

 

Todos os efeitos das chuvas, ao longo da última semana, que já totaliza 500 milímetros,  levou o 11 secretários e coordenadores a se reunirem, através de videoconferência, para definir um cronograma de ações para reduzir o impacto das chuvas, no município, tanto as que já foram registradas, quanto as que estão previstas para os próximos dias.

 

De acordo com Noé Estrela, coordenador da Defesa Civil Municipal, afirmou que as várias secretarias estão envolvidas em ações coordenadas para socorrer vítimas e que a gestão municipal está em alerta.

 

“É um mês bem atípico em relação ao volume de chuvas e isso colocou toda a prefeitura em alerta. Tivemos uma reunião de planejamento envolvendo várias secretarias, para que as ações de apoio às famílias e eventuais ocorrências de chamados possam ser realizados de forma coordenada. A saúde, por exemplo, ficou de sobreaviso para realizar testes de COVID-19 nas famílias que precisaram ser retiradas para abrigos, mas não foi necessário” afirmou Noé Estrela.

Secretarías de prontidão

Além disso, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, ordenou que todas as secretarias estejam de plantão. Além de solicitar que grupos sejam destacados para se mobilizar e prestar socorro à população, em caso de qualquer emergência, prestando assistência imediata.

 

Em destaque as ações da gestão municipal, está a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, que disponibilizou 30 servidores para reforçar as ações da Prefeitura e da Secretaria de Infraestrutura, que está trabalhando para desobstruir as galerias pluviais, da região. 

 

A Secretaria de Educação está de plantão junto com as escolas, para, caso seja necessário, recepcionar as famílias que sofram danos, em razão das chuvas. Segundo informações da Prefeitura, a Secretaria de Assistência Social está assistindo as famílias que foram mais atingidas pelas chuvas.

 

Além disso, a ação de emergência da prefeitura, já atendeu mais de 40 famílias da comunidade Terra Prometida, em Gramame, uma das regiões mais afetadas. As famílias receberam cestas básicas, kits de higiene e também cobertores, além de máscaras faciais, para proteger as famílias.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here