Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Veja 5 jogadores europeus e suas passagens por clubes do futebol latino

Jogadores que fizeram grande sucesso no futebol europeu resolvem dar uma volta no futebol da América Latina; confira nossa lista com cinco nomes

Embora estejamos acostumados com a ida de jogadores brasileiros e de nossos vizinhos latinos para os grandes clubes do futebol europeu, eventualmente ocorre o contrário. Assim, nesta quinta-feira (18/03) listamos cinco jogadores europeus e suas passagens pelos clubes do futebol latino. Confira.

Leia também: Mercado da Bola: 4 possíveis goleiros para o Grêmio em 2021

Erik Figueroa, um sueco de sobrenome latino

O primeiro da nossa lista de jogadores europeus com passagem pelo futebol da América Latina é o lateral Erik Figueroa.

Nascido na Suécia, Figueroa tem dupla nacionalidade (mãe sueca e pai chileno); mas sempre conviveu no Velho Continente. Inclusive a sua carreira como atleta profissional aconteceu quase que totalmente no futebol europeu, jogando nos gramados suecos.

No entanto, na temporada de 2019 o defensor se propôs a jogar no futebol latino. Assim, o clube que acolheu o sueco de pai chileno foi o Unión La Calera, da primeira divisão do futebol no Chile.

Embora tenha retornado em 2020 à Europa, Figueroa guarda a experiência de ter jogado na América do Sul.

Gignac, o francês ídolo do futebol mexicano

Embora esteja geograficamente localizado na América do Norte, o México possui profundas raízes culturais com seus vizinhos abaixo, o que os torna um país latino-americano. Desta forma, destacamos um certo atacante francês ídolo no país.

Trata-se de Gignac, veterano na dianteira do ataque do Tigres, atual Campeão da Liga dos Campeões da Concacaf e vice-campeão do Mundial de Clubes em 2020.

Assim, o capitão da equipe está no clube latino desde 2015, após deixar o Olympique de Marselha.

Juanfran, um espanhol tricolor

O próximo membro da lista é um conhecido da torcida do São Paulo. Assim, o defensor Juanfran transferiu-se para o futebol latino, e decidiu jogar no time do Morumbi, o maior vencedor internacional entre os clubes brasileiros.

Veja 5 jogadores europeus e suas passagens por clubes do futebol latino. Imagem: Reprodução SPFC.net
Veja 5 jogadores europeus e suas passagens por clubes do futebol latino. Imagem: Reprodução SPFC.net

Desta forma, o espanhol veste a camisa são-paulina e é titular absoluto na defesa desde sua chegada ao elenco em 2019, mas na temporada 2021 pode ficar de fora do elenco tricolor.

Leia mais: 5 destaques do futebol brasileiro que já estão na mira do futebol europeu

Adebayor, de ídolo do futebol inglês a veterano no Paraguai

Embora seja africano, Emmanuel Adebayor jamais atuou no futebol de seu país; a não ser em sua seleção nacional, representado o Togo nas disputas internacionais.

Desta forma, o craque africano construiu uma história no futebol europeu, e achamos pertinente incluí-lo como uma das estrelas do futebol do Velho Continente.

Revelado no futebol francês, Adebayor começou sua carreira no Metz e logo foi contratado pelo Monaco. Desta maneira, suas atuações decolaram sua carreira na Europa.

Assim, Adebayor foi negociado e virou ídolo do futebol inglês; defendendo os mantos de Arsenal, Manchester City e Tottenham.

Além destes, passou por Real Madrid, Basaksehir e Kayserispor; antes de receber uma proposta curiosa e desembarcar de chuteiras na América do Sul.

Desta forma, o Olimpia do Paraguai surpreendeu o futebol latino quando anunciou a vinda do craque africano idolatrado no futebol europeu.

Ainda assim, a temporada do veterano Adebayor foi irregular; e talvez o atacante se aposente em breve.

De Rossi, um ídolo italiano no futebol latino

O quinto é um ídolo do futebol italiano conhecido mudialmente: De Rossi defendeu o manto da Squadra Azzurra durante mais de uma década; e chegou a usar a braçadeira de capitão da seleção da Itália.

Embora seja ídolo no seu país natal e tenha construído uma carreira de sucesso defendendo o manto da Roma durante 19 anos, o craque italiano tinha uma imensa vontade de conhecer o futebol latino. Aliás, conhecer e fazer parte dele; jogar num clube latino-americano.

Assim, De Rossi confessou sua admiração pela escola do futebol argentino, e se transferiu para um dos maiores clubes do país: o Boca Juniors. Desta forma, rapidamente foi acolhido e amado pela torcida Xeneize, que terá o craque à disposição do time até sua aposentadoria.

Você pode gostar: Veterano, Diego Souza tem números impressionantes; confira

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.