Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

SBT bate recorde de audiência com Palmeiras x River Plate

Números não eram tão elevados desde 3 de maio de 2009, quando o “Domingo Legal”, à época apresentado por Gugu, bateu recorde similar

A partida entre Palmeiras e River Plate-ARG rendeu números ótimos ao ibope do SBT na noite dessa terça-feira (12). Na média, a audiência da emissora durante o jogo válido pela semifinal da Libertadores da América foi de 19 pontos, sendo que houve picos de 23 entre 21h30 e 23h32, horários que, a grosso modo, marcaram o início e o encerramento do duelo entre argentinos e brasileiros.

SBT bate recorde de audiência com Palmeiras x River Plate. Foto: Juan Roncoroni - Pool/Getty Images
SBT bate recorde de audiência com Palmeiras x River Plate. Foto: Juan Roncoroni – Pool/Getty Images

Leia mais: Vasco Confirma Permanência De Martín Benítez No Clube

Narrada por Luiz Alano, já que Téo José foi recém-diagnosticado com Covid-19, a partida, como de costume no decorrer dessa Libertadores, também teve os comentários de Mauro Beting, renomado jornalista esportivo, e Jorginho, ex-treinador e auxiliar de Dunga. Os números conseguidos pelo trio chamaram a atenção.

De forma mais detalhada, pode-se afirmar que, ao todo, a partida que decidiu o primeiro finalista da competição ficou exatos 47 minutos em primeiro lugar na Grande São Paulo, região que concentra um altíssimo índice populacional. De acordo com a informações, a Globo, por exemplo, no horário da partida, marcou 26 pontos.

Já a Record, com a dobradinha filme e novela, obteve seis. Empatados com um ponto de audiência estiveram Bandeirantes, Cultura e RedeTV!

O SBT recebeu números ótimos de audiência em diferentes cidades

Embora a sede principal do SBT fique instalada em São Paulo, sua audiência surgiu de diversas cidades ao longo do Brasil.

Na noite da última terça-feira, por exemplo, a transmissão da Libertadores fez com que a emissora assumisse a vice-liderança do ibope em grandes cidades, como Brasília, Manaus, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Em Campinas, no interior de São Paulo, os números também foram expressivos.

Saiba mais: Corinthians Renova Contrato Com Jovem Zagueiro Até 2024; Saiba Quem É

O jogo

Após vencer o rival argentino por 3 x 0 em Avellaneda, casa do Independiente, o Palmeiras recebeu o River Plate no Allianz Parque e foi surpreendido com uma noite extremamente atípica para seus planos iniciais.

Em apenas 45 minutos, a larga vantagem conquistada no território argentino foi colocada em xeque com um placar que, na saída para o intervalo, já apontava 2 x 0 para o River Plate.

Se fizesse mais um gol, o time comandado por Gallardo levaria a decisão da vaga à final para as penalidades máximas. O gol até aconteceu, mas, após checagem do VAR, o árbitro de vídeo, não foi autorizado. No finalzinho do duelo, também houve a marcação de um pênalti ao time argentino.

Depois de uma nova checagem do VAR, que mais uma vez acertou na visão dos especialistas, a marcação foi desconsiderada. Resultado final: Palmeiras 0 x 2 River Plate e vitória alviverde no placar agregado. Aliás, o time possui apenas um título da competição em toda a história, e volta a uma final de Libertadores depois de mais de duas décadas.

E aí, torcedor? O que achou da partida? O VAR mais ajudou ou mais atrapalhou o decorrer dos lances? O placar foi justo? Comente e fique por dentro da reta final da Libertadores da América!

Veja mais: Campeões Da Libertadores Falam Sobre Expectativa Do Santos Diante Do Boca Juniors

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.