Top Stores

- Publicidade -

Os Promovidos: assistentes que assumiram como técnico no Brasileirão

Depois do início do returno do Brasileirão, começam as trocas de técnico e surgem os assistentes promovidos ao comando; conheça três deles

0

Entre rebaixamentos e lutas pela permanência na elite do Brasileirão 2020, alguns técnicos permanecem; outros são demitidos. Nesses momentos, o auxiliar técnico é promovido e assume o comando do time, conduzindo a equipe na reta final da competição. Confira aqui alguns auxiliares que assumiram o comando técnico nessa temporada.

Leia também: Bahia x Corinthians: veja quem está melhor no Brasileirão

Dado Cavalcanti, Bahia

Pernambucano de Arcoverde, Luiz Eduardo Barros Cavalcanti tentou a sorte como jogador nas categorias de base do Santa Cruz e Náutico, gigantes tradicionais do futebol no estado.

No entanto, acabou sendo dispensado em campo e contratado fora dele: não deu certo como jogador, mas conheceu Muricy Ramalho. Assim, o treinador o trouxe para estagiar na comissão técnica.

Após o estágio, o jovem Dado Cavalcanti logo virou o auxiliar de Muricy. Após o sucesso como assistente, Dado foi tentar a sorte como treinador. Logo, trabalhou com as categorias de base por equipes  de todo o país.

Chegou ao Bahia a pedido do técnico da época, Roger Machado. Assim, em 2020 o treinador veio assumir a base do Esquadrão Tricolor e auxiliar o time principal. Entre a saída de Roger e a entrada de Mano Menezes, Dado já havia se firmado na base e decidiu ficar no clube.

Dessa forma, assumiu o time principal interinamente na troca de técnicos, e está desde a demissão de Mano Menezes. Assim, conduz o Bahia na luta contra o rebaixamento nas últimas rodadas do Brasileirão.

Você pode gostar: Que fase! Botafogo tem o pior aproveitamento do 2º turno do Brasileirão

Lucio Flávio, Botafogo

O já rebaixado na competição, o Botafogo tem a certeza que irá disputar a Série B do Brasileirão em 2021. Assim, a diretoria do clube exonerou Eduardo Barroca há algumas rodadas.

Os Promovidos: assistentes que assumiram como técnico no Brasileirão. Imagem: Reprodução Fogão.net
Os Promovidos: assistentes que assumiram como técnico no Brasileirão. Imagem: Reprodução Fogão.net

Com isso, ressurgiu a figura de Lúcio Flávio, auxiliar técnico do Botafogo. Embora haja pouco o que se falar como treinador, a carreira dele como jogador no Glorioso é memorável.

Dessa forma, Lúcio Flávio atuou no alvinegro carioca entre 2006 e 2010. Em seu currículo vestindo o manto do Glorioso foram 200 jogos e dois títulos cariocas. Assim, Lúcio Flávio deixou a comissão técnica do Paraná Clube e chegou ao Botafogo na temporada 2020.

Desde então, o ex-ídolo da torcida alvinegra tem atuado com auxiliar técnico, assumindo interinamente a equipe durante as trocas de treinador. Com a demissão de Barroca, Lúcio Flávio assume o comando do Botafogo nas rodadas finais.

Marcão, Fluminense

O terceiro nome de nossa lista é outro conhecido da torcida do tricolor das Laranjeiras: Marcão é o auxiliar técnico do Flu, e tem assumido o time entre altos e baixos desta temporada.

Os Promovidos: assistentes que assumiram como técnico no Brasileirão. Imagem: Reprodução Instagram @marcaom5
Os Promovidos: assistentes que assumiram como técnico no Brasileirão. Imagem: Reprodução Instagram @marcaom5

No entanto, a carreira do auxiliar técnico vive seu momento de ascensão: depois de passagem pelo River-PI e clubes menores do futebol carioca, Marcão vive a sua terceira passagem no Tricolor das Laranjeiras. Assim, esta tem sido, de longe, a melhor delas.

Desde a saída de Odair Hellmann que o auxiliar ganhou mais exposição. Antes disso, Marcão comandava o sub-23 do Fluminense; além de auxiliar os trabalhos do time principal.

Por outro lado, a saída de Hellman para o exterior proporcionou a chance de Marcão assumir o comando de um grande e tradicional clube brasileiro. Vale lembrar, o promovido tem dado resultados no exercício da nova função.

Leia também: Seu time não está indo bem? Veja cinco técnicos que estão sem clube

Comentários
Loading...