Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Para esquentar: relembre como foram as últimas finais de Libertadores

Santos e Palmeiras se enfrentam na final desta edição no próximo dia 30

Se tem um momento que todo torcedor espera é ver o seu time levantar a taça de um campeonato, principalmente nos mais importantes deles, como a Copa Libertadores.

A final desta edição da competição continental será disputada por dois clubes paulistas, Santos e Palmeiras, no próximo sábado (30/01), às 17h, no estádio do Maracanã.

E apesar da grande expectativa dos dois clubes, não é possível prever o que poderá acontecer no campo, afinal, são tantas finais de Libertadores em que o previsível mudou, outras que o resultado mudou no último motivo, que fica difícil arriscar o resultado da partida.

Relembre algumas dessas ocasiões, e relembre como foi o resultado das últimas finais de Libertadores, na matéria que o Diário Prime preparou para você nesta quarta-feira (27/01).

Leia ainda: Brasileirão: Veja quais são os times que mais pontuaram nas últimas 10 rodadas

Últimas finais da Libertadores

2019 – Flamengo x River Plate

A edição da Libertadores de 2019 foi a primeira em que a Conmebol mudou os jogos de ida e volta, para apenas uma única partida. Quem estreou neste novo modelo foi o clube brasileiro Flamengo e o argentino River Plate.

O jogo aconteceu no Estádio Monumental de Lima, e reuniu mais de 59 mil espectadores para saber quem seria o vitorioso da ocasião, que acabou sendo o Flamengo por 2×1.

Vale lembrar que os dois gols do clube brasileiro foram feitos por Gabriel Barbosa, mais conhecido por Gabigol. Já pelo River Plate, quem balançou as redes foi Santos Borré.

Para esquentar: como foram as últimas finais de Libertadores
Para esquentar: como foram as últimas finais de Libertadores – Foto: Luka GONZALES / AFP

2018 – River Plate x Boca Juniors

A final da Libertadores de 2018 foi disputada por clubes da mesma nacionalidade, assim como será a edição de 2020, por conta disso a emoção tomou conta nas ruas da argentina, que tinha sua torcida dividida entre River e Boca.

Na época, a final contava com o jogo de ida e jogo de volta, o que acabou deixando o segundo jogo ainda mais emocionante, já que os clubes empataram por 2×2 a primeira ocasião.

Foi na casa do River Plate, no jogo de volta, nos minutos da prorrogação que a torcida finalmente conheceu o campeão da Libertadores de 2018, o Atlético River Plate por 3×1 em cima do Boca Juniors.

Confira também: PVC analisa reencontros de Luxemburgo com o Palmeiras e Sampaoli com o Santos

2017 – Atlético Lanús x Grêmio

A partida foi marcada do início ao fim pela tradicional rivalidade entre brasileiros e argentinos, situação que já aconteceu em edições passadas do campeonato.

A grande final de 2017, foi dividida entre o jogo de ida e de volta, como acontecia até a edição de 2018. Nas duas ocasiões o Grêmio levou a melhor, no primeiro jogo, em casa, ganhou por 1×0 e no segundo por 1×2.

Você não pode deixar de ler: 4 possíveis treinadores para assumir o Cruzeiro

E aí torcedor, visto o retrospecto da competição, você se arrisca dizer quem será o campeão no próximo sábado? Deixe sua opinião aqui embaixo nos comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.