Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Nem México, nem EUA: veja 4 craques da Jamaica, surpresa na Concacaf

De olho na ascendência de craques britânicos, seleção da Jamaica sonda nomes para convocar durante eliminatórias da Concacaf

Nas últimas semanas uma seleção tem chamado a atenção nas Eliminatórias  da Concacaf (Confederação das Associações de Futebol das Américas do Norte e Central e Caribe, traduzida) para a Copa do Mundo de 2022. Embora as seleções de EUA e México sejam favoritas na região, a Jamaica pode se mostrar uma grande surpresa. Saiba o porquê nesta quarta-feira (10/03).

Leia também: Quais times podem assinar com PH Ganso?

Atletas podem se naturalizar para jogar pela Jamaica

O grande trunfo nas mãos da seleção de futebol da Jamaica é a provável naturalização de algumas estrelas que atuam em clubes do futebol europeu e da liga norte americana, a MLS.

A equipe já possui alguns atletas de grande expressão, a exemplo do goleiro Blake, que atua pelo Philadelphia Union; e Leon Bailey, atacante que joga no Bayer Leverkusen, no futebol alemão.

No entanto, a federação  jamaicana não se deu por satisfeita; e busca uma grande quantidade de jogadores para naturalizá-los. Dessa forma, listamos alguns jogadores que estão na mira da seleção da Jamaica (também conhecidos como Reggae Boyz), e podem receber o passaporte jamaicano a qualquer momento.

Holgate, zagueiro do Everton

Mason Holgate é um defensor britânico filho de pai jamaicano e mãe britânica; nascido na Inglaterra. Embora Holgate tenha defendido a seleção da Inglaterra nas categorias de base, o zagueiro não chegou a ser convocado para o time principal da seleção inglesa.

Dessa forma, Holgate pode ser convocado pela seleção jamaicana; e seu processo de aquisição de cidadania no Caribe está em andamento. Logo, o atleta poderá defender a seleção de seus ascendentes caribenhos. Atualmente Holgate defende o manto do Everton, na Premier League inglesa.

Leia também: Pato e Brenner na MLS: veja outros brasileiros no futebol dos EUA

Kemar Roofe, meio campo no Rangers

Outro que atua nas ligas do Reino Unido é o meia Roofe. Jogando na Premiership escocesa, o meio-campista defende o manto do Rangers no futebol das highlands. Dessa forma; nascido em Walsall, Inglaterra, Roofe possui ascendência jamaicana e está na mira da seleção que disputa espaço na Concacaf.

Nem México, nem EUA: veja 4 craques da Jamaica, surpresa na Concacaf. Imagem: Reprodução Instagram @roofe
Nem México, nem EUA: veja 4 craques da Jamaica, surpresa na Concacaf. Imagem: Reprodução Instagram @roofe

Dessa forma, o experiente meia já atuou pelo futebol inglês, belga e islandês. No entanto, jamais atuou em nenhuma categoria da seleção da Inglaterra. Dessa forma, o atleta estaria apto para jogar pela seleção da Jamaica nas eliminatórias e, consequentemente, na Copa do Mundo.

Demarai Gray, atacante no Bayer Leverkusen

O atacante Demarai Gray nasceu em Birmigham, na Inglaterra. No entanto, é mais um que está na mira da seleção da Jamaica. Também por sua ascendência caribenha, o avançado é cogitado para futuras convocações defendendo o manto dos Reggae Boyz.

Assim, a breve carreira de Gray já rende frutos: foi campeão da Premier League na temporada 2015-16 defendendo o manto do Leicester. Dessa forma, o avançado se transferiu para o futebol alemão. Portanto, faz companhia a Leon Bailey, um possível companheiro de seleção no time da Jamaica.

Nathan Redmond, atacante no Southampton

Para finalizar a nossa lista de talentos que podem ser convocados pela seleção da Jamaica nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, trouxemos o nome de Nathan Redmond, atacante do Southampton.

Nem México, nem EUA: veja 4 craques da Jamaica, surpresa na Concacaf. Imagem: Reprodução Twitter @NathanRedmond22
Nem México, nem EUA: veja 4 craques da Jamaica, surpresa na Concacaf. Imagem: Reprodução Twitter @NathanRedmond22

Embora Redmond tenha chegado a atuar pelas categorias de base da Inglaterra, sua participação no time principal inglês aconteceu apenas num jogo; e ele não oficial. Assim, o atleta pode ser convocado pela seleção jamaicana; se houver interesse dos cartolas caribenhos.

Você pode gostar: Sonorza ainda pode render milhões aos cofres do Corinthians; entenda

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.