Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Motorista foi esfaqueado enquanto trabalhava na capital mineira

Foram desferidos sete golpes contra a vítima durante o assalto, segundo a Polícia Militar

A criminalidade em Belo Horizonte não dá folga. Segundo informações do boletim de ocorrência, o ocorrido, dessa vez, se deu com um rapaz de 25 anos, Daniel Ramos. O motorista foi esfaqueado enquanto exercia seu trabalho em um aplicativo de transporte de pessoas.

Portanto, leia mais: Produção Industrial De Santa Catarina Cresce 11,1% E Se Torna A Segunda Maior Do País

Um dos suspeitos, Renato Santos, tem apenas 18 anos e confessou o crime para a PM
Um dos suspeitos, Renato Santos, tem apenas 18 anos e confessou o crime para a PM – Foto: Canva Pro

A PM informou que Daniel foi internado para cuidar dos ferimentos, mas não corre risco de vida. Entretanto, prendeu-se apenas um dos suspeitos do crime até o momento. O motorista foi esfaqueado, quase teve a sua vida tirada, e por tão pouco.

Motorista foi esfaqueado em BH por pouca coisa

O homem, depois do crime, na madrugada de sexta (15/01), bateu com o veículo também. A tentativa de reagir ao assalto era, na verdade, uma tentativa para preservar a sua vida.

O fato aconteceu na região do Coqueiros, bairro localizado à Noroeste da capital mineira. Segundo a PMMG (Polícia Militar de Minas Gerais), Daniel estava na R. Mafra, todo ensanguentado, pedindo socorro.

Após Daniel ter aceitado uma corrida, três homens entraram no carro e cometeram o crime alguns km depois. A vítima, consciente, conseguiu dar as características dos assaltantes para os policiais.

Iniciaram-se as buscas naquele exato momento, uma vez que a intenção da PM é extinguir a criminalidade em Belo Horizonte. Assim, pouco depois, bem próximo de onde esfaquearam o motorista, os militares encontraram um suspeito.

Ele se assemelhava muito com o relato da vítima, além de ter sangue nas roupas e nos braços. O rapaz confessou sua parcela de culpa no crime.

Ademais, confira também: Blumenau/SC lidera o ranking com maior capacidade de geração de energia…

O crime e o suspeito

O suspeito, Renato Santos, tem apenas 18 anos. Em seu depoimento, relatou que seus dois comparsas planejaram o assalto. Eles estavam no Barreiro, Região Metropolitana de BH, e pediram a corrida pelo aplicativo.

A intenção, de acordo com as informações digitadas no app, era finalizar a corrida em Betim. Mas, antes da viagem terminar, houve uma mudança nos planos.

Os criminosos pediram ao motorista que ele retornasse para perto do ponto de partida e, ao se aproximarem do bairro Coqueiros, anunciaram o assalto. Renato, sentado bem atrás do motorista, falou: “perdeu, irmão”.

A criminalidade em Belo Horizonte realmente tomou conta. Na tentativa de evitar o acontecido, Daniel movimentou-se para pegar a faca que estava com um dos assaltantes, mas eles o golpearam sete vezes.

As feridas foram no tórax, mão direita, pulso esquerdo, bem como coxa esquerda, canela esquerda e pescoço. Com tantos golpes, foi inevitável perder a direção e colidir com o automóvel na calçada de uma das ruas do bairro.

O que levaram

Segundo a Polícia Militar, os três assaltantes visavam dinheiro e celular, mas Daniel não tinha muita coisa com ele. Mesmo assim, os bandidos levaram o que podiam, fugindo em seguida.

Fez-se os primeiros socorros na vítima no local em que a encontraram. Logo após, deu-se o encaminhamento para o Pronto-Atendimento da região. O motorista foi esfaqueado enquanto trabalhava, mas, conforme dados médicos, não corre o risco de morte.

Portanto, não deixe de verificar: Homem Matou A Enteada E Foi A Júri Popular Em Belo Horizonte

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.