Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Dono de uma loja de carros no Batel em Curitiba é preso por suspeita de golpe milionário

Na última quarta-feira (21/01) o dono de uma loja de carros em bairro renomado de Curitiba foi preso por suspeita de golpe milionário. Pois bem, o dono da loja que se localizava no batel, bairro nobre da capital. Está sob suspeita de dar golpes em mais de 20 pessoas.

Portanto, você também pode gostar deste conteúdo: Criança engasgou e foi parar no CTI em Montes Claros

Golpe milionário
De fato aplicaram um golpe milionário em Curitiba. (Imagem: Pixabay)

Segundo informações, as vítimas chegavam a transferir a documentação de veículos imaginando que estavam vendendo o bem. No entanto, o dinheiro da comercialização não aparecia. Estima-se que o valor total do prejuízo sofrido por essas pessoas  chega a R$ 870 mil. Mas ainda não se tem o valor exato do golpe passado.

Homem é preso por suspeita de golpe milionário em Curitiba

De acordo com informações da Polícia Civil, até o momento, 23 vítimas registraram o  boletim de ocorrência contra o homem. Os relatos das vítimas apontam que a estratégia começava nas redes sociais, isso após donos anunciarem seus carros para a venda.

Logo em seguida, uma pessoa entrava em contato e relatava ter um comprador interessado no veículo. Então, solicitava para a vítima que o carro fosse levado à loja para realização de vistoria e posteriormente ser mostrado para o possível comprador.

E assim, as vítimas assinavam um contrato de intermediação de venda do veículo e uma procuração para transferência em cartório por indução do meliante. Entretanto, elas também alegaram receber um valor como sinal. E havia a promessa que o restante do valor seria pago dentro de 15 dias, mas isso nunca ocorreu.

Ademais, leia agora em nosso blog: Conheça Como Vai Funcionar O Agendamento Para Vacinação Em Curitiba

Investigações do golpe

A delegada da Polícia Civil, Daniela Antunes Andrade reforçou que desde o ano passado, as investigações feitas apontavam para um crime de estelionato. Daniela afirmou que as acusações estão sendo recebidas desde 2020. Então, a polícia realizou os procedimentos necessários, mas ele não se encontrava nos endereços apontados.

No entanto, segundo a delegada, na semana passada apareceu informações de que ele estaria na cidade na quarta-feira. E foi assim que aconteceu a prisão. Até o final de semana o inquérito termina. Assim, o poder judiciário vai receber esse inquérito sobre o golpe milionário.

A inauguração desta loja foi em julho de 2020, mas já no mês de setembro, começou a aparecer as vítimas que alegaram que não receberam pela venda de seus automóveis. Portanto, os veículos das vítimas foram bloqueados. Para assim evitar novas transferências. E evitar também que pessoas de boa fé se envolvam neste crime.

Enfim, o dono da loja foi acusa de estelionato, e agora é só aguardar a decisão da justiça em relação ao caso. A polícia ressalta a importância de ter cuidado na hora de fazer vendas para lojas duvidosas. No entanto, por essa loja se localizar em um bairro nobre de Curitiba, foi mais fácil aplicar o golpe milionário.

Então, continue lendo em nosso blog: Blumenau está com muitas chuvas há mais de uma semana causa estragos em alguns bairros

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.