Diário Prime o portal de notícias de Mato Grosso!

Alessandro Lautenshlager suspeito de matar Rosângela Silva se nega a reconhecer corpo encontrado em Nova Mutum

Corpo de Rosângela foi encontrada em um matagal a 40 km da cidade. Em estado parcial de decomposição, a identificação foi possível por meio de roupas e acessórios que a vítima usava.

Depois de 14 dias desaparecida, finalmente a policiai encontrou o corpo da professora Rosângela Silva, 30, em Nova Mutum (264 km ao norte de Cuiabá). O ex-namorado dela, Alessandro Lautenshlager, 31, suspeito de matá-la não ajudou na identificação do corpo. Ele preferiu se manter calado. Rosângela foi encontrada sem vida na noite desta quinta-feira (8), no município.

Corpo de Rosângela foi encontrada em um matagal a 40 km da cidade. Em estado parcial de decomposição, a identificação foi possível por meio de roupas e acessórios que a vítima usava.    

Alessandro segue detido em Foz do Iguaçu, no Paraná, desde o dia 30 de janeiro, quando foi encontrado em possível fuga para o Paraguai. Ele aguarda transferência para Mato Grosso, que deve ser feita pelo sistema prisional.

“Ele é o investigado e vai ser indiciado. Já temos elementos para indiciá-lo nos crimes de feminicídio, ocultação de cadáver, violação de domicílio e descumprimento de medida protetiva. Quatro crimes”, afirmou o delegado Rodrigo Rufato, responsável pelo caso.

Com informações de http://noticiatododia.com.br

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais