Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Conheça como vai funcionar o agendamento para vacinação em Curitiba

Com a vacinação que se inicia amanhã (20/04) muitas dúvidas estão surgindo em relação a como vai funcionar o agendamento para vacinação. Pois bem, o agendamento será feito pelo aplicativo da prefeitura “Saúde Já”.  Toda a imunização será feita no Parque Barigui.

Portanto, você também pode gostar de: Três cidades mais afetadas pela chuva forte em SC completam 1 mês ainda com… 

agendamento para vacinação
De fato o agendamento para vacinação vai começar. (Imagem: Freepik)
No entanto, mesmo a vacinação se iniciando amanhã, a prefeitura orienta que os cidadãos não se dirijam ao Parque Barigui. Pois tem uma ordem de prioridade, e essas pessoas serão avisadas pelo aplicativo. A capital recebe neste primeiro momento 48 mil doses, que serão suficientes para vacinar 24 mil pessoas.

Agendamento para vacinação

Então, como já sabemos, os primeiros a serem vacinados serão profissionais da área da saúde, idosos que moram em instituições de longa permanência e indígenas. O processo possui algumas fases, essas que vamos explicar agora.

  • Fazer o cadastro no aplicativo: A orientação é para que todos baixem o aplicativo Saúde Já. E façam o cadastro, informando dados pessoais e o número do cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). O app está disponível para android e IOS ou você pode acessar pelo site. No aplicativo também é possível cadastrar dependentes. Portanto, assim você pode avisar outros familiares sobre o horário da vacinação.
  • Saber data e hora para a vacinação: De acordo com a prefeitura, as pessoas que irão tomar as primeiras doses irão receber uma notificação com a data e horário da vacinação por meio do app.  Não necessita agendar, basta comparecer no dia e horário informado pelo aplicativo ao Centro de Imunização, no Barigui.
  • E se eu não puder comparecer?  Então, os usuários do aplicativo poderão confirmar ou não o agendamento. Em caso de recusa, o paciente irá receber uma nova notificação, com nova data. No entanto, isso depende de disponibilidade de doses.

É importante ressaltar que a notificação do aplicativo tem a exceção de idosos em instituições de longa permanência e indígenas. Esses terão a vacinação conduzida pela Secretaria Municipal de Saúde.

A notificação chegará para todos quando for a hora de tomar a dose. Entretanto, foi dito que os usuários também podem informar que não querem tomar a vacina por meio de um termo, utilizando a opção “Não quero a vacina”.

Ademais, leia também em nosso blog:  Primeiro lote da vacina contra covid-19 em SC já está em Florianópolis…

Plano de vacinação

Mesmo com o agendamento da vacinação começando. Ainda sim existe um plano de vacinação a ser seguido. Ele consiste em 5 fases com grupos diferentes a serem vacinados.

Fase 1

O primeiro grupo a ser vacinado são de pessoas de maior vulnerabilidade. Como profissionais de saúde da linha de frente da Covid-19, idosos, funcionários de asilos e a população indígena.

No entanto, entram também trabalhadores do SAMU, funcionários dos serviços funerários e servidores das unidades básicas de saúde. Depois, servidores da FAS e da Guarda Municipal, de consultórios e laboratórios de análises clínicas. Somam o total de 61.760 pessoas.

Fase 2

Então, a fase dois de vacinação vai incluir idosos de cama, pessoas a partir dos 80 anos. Depois, entre 75 e 79 anos. Logo em seguida, moradores entre 70 e 74 anos, de 65 a 69, de 60 a 64 anos e, por fim, funcionários e população que está em presídios. Nesta fase serão 272 mil pessoas vacinadas.

Fase 3

Na fase três de vacinação, serão incluídos pessoas com doenças graves. Serão inclusos pessoas com problema de coração, diabéticos, hipertensos, obesos, entre outros. Vão ser 800 mil pessoas.

Fase 4

Pois bem, agora entram os profissionais da limpeza pública, da segurança pública, motoristas e cobradores de ônibus, professores, taxistas e motoristas de aplicativos. Ao todo vão ser 59.170 pessoas.

Fase 5

Por fim, na fase 5 serão vacinadas as pessoas abaixo dos 60 anos. No entanto, a prefeitura ressaltou que além do primeiro grupo de prioridade. O agendamento para vacinação das outras fases não possui previsão.

Enfim, essas foram algumas dúvidas sobre o agendamento para vacinação que começa amanhã. A prefeitura está afirmando que o controle é seguro. Que vai garantir a segunda dose do mesmo laboratório, para não haver problemas.

Então, continue lendo em nosso blog: venida Afonso Pena fechou em Belo Horizonte por protestantes

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.