Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Seguro Itaú paga contas de quem ficar desempregado; saiba detalhes


O Diário Prime News não tem vínculo com nenhum banco ou instituição financeira. O objetivo do nosso blog é oferecer aos nossos leitores informações úteis, de qualidade e verídicas. Em caso de dúvidas fineza fazer contato pelo e-mail [email protected]. Se preferir pode fazer uma pergunta à nossa redação clicando aqui!

Muitas pessoas têm medo de perder o emprego, e por conta disso, ficarem endividadas. Mas existem opções de seguro que ajudam a pagar as contas, em situações como a de um desemprego involuntário ou perda de renda do segurado. É o seguro prestamista, e o Itaú é um dos bancos que oferecem essa modalidade. Saiba mais.

Seguro Itaú paga contas de quem ficar desempregado; saiba detalhes
Seguro Itaú paga contas de quem ficar desempregado

O que é e como funciona seguro prestamista?

Siga o Diário Prime no Google News. Receba de graça os melhores conteúdos como TV Online , Loterias, Futebol ao Vivo, Finanças, Forex, em primeira mão.

O seguro prestamista é uma modalidade que quita parcelamentos de compras, empréstimos ou financiamentos. Geralmente é utilizado em caso de morte e invalidez, mas há empresas que oferecem o serviço, também, para quem fica desempregado, como é o caso do banco Itaú.

O beneficiário, aliás, será quem emprestou o dinheiro ou fez o financiamento e não o consumidor (que fez o seguro).

Portanto, no caso de uma pessoa ficar desempregada (exceto por justa causa), o seguro paga à empresa ou instituição, que fez algum crediário ou financiamento de um carro, ou de uma casa, por exemplo.

Leia ainda:Vírus de computador é usado para golpe em clientes de bancos como Santander, Itau e Banco do Brasil 

Como funciona ?

A forma como é estruturado garante a liquidação da dívida do segurado ou o pagamento de um determinado número de parcelas de financiamento (dependendo do contrato do seguro) na hipótese de morte, invalidez, desemprego involuntário e perda de renda do autônomo.

Veja os exemplos nos quais o seguro prestamista do Itaú pode ser utilizado:

Financiamento de veículos

A seguradora pode pagar algumas parcelas, que também será acionada em caso de morte.

Contudo, a quantidade de parcelas cobertas é definida no contrato, e pode não ser igual ao número das parcelas que ainda faltam ser pagas.

Financiamento imobiliário

Nesses casos, o seguro pode garantir o pagamento das parcelas, até o valor definido no contrato de garantia (que pode não ser igual ao valor que ainda falta ser quitado).

Além disso, pode, também, oferecer serviços como encanador, eletricista, chaveiro entre outros.

Prestações de consórcio

É possível garantir o pagamento das parcelas de consórcio, até o limite contratado. A quantidade de parcelas cobertas é definida, portanto, no contrato de seguro.

Prestações de crédito

Quita as parcelas de crediário, crédito consignado ou até mesmo cheque especial.

Como é possível fazer o seguro?

O serviço é disponibilizado para os correntistas do banco Itaú e os principais canais de contratação são:

  • Aplicativo do Itaú;
  • Na Internet 30 horas;
  • Telefone 30 horas;
  • Através de um gerente do banco;
  • No Caixa Eletrônico;
  • Na boca do Caixa;
  • Na abertura da conta.

O consumidor, também, deve lembrar que não é tão simples assim conseguir o seguro.

As empresas, normalmente, exigem carteira assinada e pelo menos 12 meses de vínculo de trabalho.

Em relação à demissão, é preciso que tenha ocorrido sem justa causa.

Leia ainda:Precisando de dinheiro: empresa gaúcha oferece empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa. 


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

Últimas Publicações