Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Nubank usa Inteligência Artificial para decidir sobre concessões de produtos; veja mais


Não perca nenhum conteúdo de nosso Blog. Clique no botão abaixo e fique atualizado!

O Diário Prime News é um blog independente, que não tem vínculo ou associação com nenhum banco, instituição financeira ou órgãos de proteção ao crédito, tais como SPC, Serasa, Boa Vista etc. Em caso de dúvidas fineza fazer contato pelo e-mail [email protected]. Se preferir pode fazer uma pergunta à nossa redação clicando aqui!

Dia 14 de dezembro – O Nubank se vale de uma estrutura automatizada para efetuar a análise de crédito e, consequentemente, decidir sobre a concessão dos seus produtos. Portanto a fintech possui um avançado sistema de inteligência artificial para a realização das análises de crédito dos pretendentes aos cartões e contas digitais. Entenda.

Saiba mais:Clientes do Nubank podem acessar os serviços do aplicativo por comando de voz.

Como funciona a inteligência artificial do Nubank?

nubank-inteligência-artificial-crédito
Saiba como funciona a inteligência artificial do Nubank

De acordo com o indiano Krishna Venkatraman, responsável pela área de ciência de dados do Nubank, em uma entrevista ao Estadão, para que a instituição identifique aqueles que são bons e maus pagadores, a inteligência artificial utiliza os relatórios dos birôs de crédito (como SPC, Serasa e outros), comportamento de compras e até recomendações de usuários que já são clientes.

Saiba mais:Nubank: chat, e-mail ou telefone? Descubra qual canal de atendimento é o mais rápido e eficiente.

Além disso, a análise é um processo caro, o que pode acabar excluindo muita gente, fazendo com que sobrem apenas os consumidores que realmente “valem a pena”.

Ademais, com o uso da inteligência artificial, pode-se analisar os créditos em questão de segundos e não em uma semana.

Segundo o representante da fintech o sistema ajuda a ir aumentando os limites de crédito aos poucos, na medida do crescimento do relacionamento.

“Se um usuário tem alto risco em certo limite, concedemos a ele limite mais baixo. Assim, a pessoa pode usar nosso produto e, com mais informações, podemos até aumentar o limite”.

A análise de crédito do Nubank é isenta de preconceitos?

Venkatraman assegura que os fatores que influenciam o crédito sempre serão aqueles usados pela tecnologia, com caráter bem objetivo, como renda e ficha criminal. Segundo ele, tratam-se de critérios razoáveis e que, portanto, não são discriminatórios.

Ele afirma ainda que as sociedades possuem variadas quantidades de pessoas com determinados perfis. Contudo, não se pode condicionar uma decisão sobre a concessão de crédito em cima disso exclusivamente.

A fintech e os bancos tradicionais

Após o surgimento do Nubank e outras instituições digitais os bancos tradicionais têm sofrido com alguma perda de clientela.

A inteligência artificial que acelera o processo tornando-o mais prático, é um recurso que auxilia bastante as fintechs a assumirem esta vantagem até agora.

Saiba mais:O Nubank realiza análise de crédito para fornecer a NuConta? Saiba detalhes.

Entretanto, Venkatraman afirma que, apesar dessa vantagem atual, os bancos tradicionais já estão se preparado para utilizarem dessas mesmas ferramentas.

Nesse sentido, para continuar a se destacar quando os bancos tradicionais também usarem a inteligência artificial, a ideia é continuar focando os esforços nas necessidades do usuário.

 


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

Comentários
Loading...