Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Cartão de crédito: saiba mais sobre a denúncia do Nubank contra 5 bancos


O Diário Prime News é um blog independente, que não tem vínculo ou associação com nenhum banco, instituição financeira ou órgãos de proteção ao crédito, tais como SPC, Serasa, Boa Vista etc. Em caso de dúvidas fineza fazer contato pelo e-mail [email protected]. Se preferir pode fazer uma pergunta à nossa redação clicando aqui!

Cartão de crédito – Em 2017, o Nubank realizou uma denúncia contra cinco bancos: Itaú, Santander, Banco do Brasil, Caixa Econômica e Bradesco. A fintech alegou que essas tradicionais instituições financeiras do país estariam tentando prejudicar a livre concorrência no segmento de cartões de crédito

A denúncia do Nubank

Cartão de crédito: entenda sobre o boicote ao Nubank
Cartão de crédito: entenda sobre o boicote ao Nubank

O Nubank entrou com uma representação junto ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) em 2017 e o Conselho iniciou a investigação em 2018.

Portanto, este ano, após concluir o processo investigativo, o Cade encontrou evidências positivas em favor da denúncia do Nubank.

Veja ainda: Nubank e outros respondem Padre Fábio, após reclamação ao cartão de crédito Bradesco

Resolveu assim, em abril, instaurar um processo administrativo contra os bancos citados no documento do Nubank.

Em que estágio está o caso

As instituições financeiras foram intimadas a apresentarem explicações e uma defesa ao Cade, mas é o Tribunal Administrativo do Conselho que decidirá, por sua vez, punir ou não os acusados.

Veja também: Novidade: saiba quais produtos o Nubank pode lançar em breve

A única exceção a essa intimação e defesa foi o banco Itaú, porque apresentou justificativas consideradas objetivas e razoáveis.

Principais denúncias ao Cade

Débito automático: Essa é uma das principais denúncias da fintech. O Nubank alega que os bancos citados estariam criando dificuldades, para a contratação do débito automático para os seus clientes.

Dessa maneira os usuários não estariam conseguindo pagar suas faturas do cartão de crédito Nunbak, por meio do débito automático em contas nessas instituições. A fintech alega ainda que os bancos queria cobrar até R$ 13 pelo débito automático. 

Assédio de funcionários:  Na representação consta ainda uma denúncia contra o Itaú Unibanco, referente a assédio aos funcionários da fintech.

Logo, o documento diz que um analista sênior do Itaú entrou em contato por mensagens com 11 profissionais do Nubank, pedindo que encaminhassem seus currículos.

Veja ainda: Banco do Brasil e Petrobrás: parceria rende cartão de crédito sem anuidade; confira

Acesso ao extrato: Consta também na denúncia, que Bradesco, Itaú e Santander estariam dificultando o acesso ao extrato intraday  (relatório que permite identificar o cliente que envia dinheiro para uma determinada conta corrente). Ele é usado em transferências de DOC e TED.

A melhor atitude do consumidor frente ao assunto

Ao consumidor cabe aguardar o resultado do processo e continuar buscando informações para, desse modo, usufruir de um bom serviço financeiro; inclusive, cobrando melhorias.

Com efeito, vale lembrar que por mais humanizadas que sejam, fintechs são empresas e devem ser tratadas como tal. Sem idolatrias e sem escolher lados; tendo consciência sim, de decidir pelos serviços que sejam mais interessantes para o seu bolso. 

Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!