Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Nubank ou Santander Free? Confira o melhor cartão de crédito para o cliente

O Diário Prime News não tem vínculo com nenhum banco ou instituição financeira. O objetivo do nosso blog é oferecer aos nossos leitores informações úteis, de qualidade e verídicas. Em caso de dúvidas fineza fazer contato pelo e-mail [email protected]. Se preferir pode fazer uma pergunta à nossa redação clicando aqui!

Cartão de Crédito Nubank vs Santander Free – As chamadas fintechs incomodam cada vez mais os bancos tradicionais, que precisam se mexer para oferecer produtos a altura. No mercado de cartões de crédito, por exemplo, a disputa é cada vez mais acirrada, na busca pela atenção do cliente. Assim, apresentaremos dois fortes candidatos do meio, para, desse modo, descobrirmos suas vantagens e desvantagens. São eles: o cartão de crédito Nubank ( o roxinho) e o Santander Free ( o vermelhinho).

Cartão de crédito: Nubank e Santander Free são da bandeira Mastercard

Cartão de crédito: Nubank ou Santander Free?
Cartão de crédito: Nubank ou Santander Free?
Siga o Diário Prime no Google News. Receba de graça os melhores conteúdos como TV Online , Loterias, Futebol ao Vivo, Finanças, em primeira mão.

Os dois cartões são da bandeira Mastercard, possuindo, assim, a variante Gold. Ou seja, podem atender a um nicho mais exigente, com tarifas mais caras.

Também como contrapartida, oferecem facilidades e benefícios tais como: seguros e descontos em serviços de lazer, além de entretenimento.

A diferença vital: isenção de anuidade

O aplicativo do Nubank foi pioneiro no oferecimento de cartão de crédito sem anuidade. No entanto, depois dele, outras fintechs e até mesmo os bancos tradicionais começaram a acenar para o consumidor com o mesmo benefício.

Contudo o Nubank mantém de fato a anuidade zero, sem qualquer contra-prestação do usuário.

Já o cartão de crédito Santander Free oferece isenção da anuidade, apenas se o cliente gastar ao menos R$ 100,00 mensais. Portanto, não havendo gastos dentro desse piso estabelecido, o banco Santander vai cobrar uma taxa que hoje é de R$ 24,00.

Como funciona a concessão do limite de cartão de crédito e o aumento posterior

Nubank e Santander não determinam limite máximo do cartão de crédito. Eles têm por política fazerem avaliações de vários aspectos e itens, para, assim, liberarem o cartão com um determinado limite.

Dessa maneira, havendo a liberação do limite inicial, esse valor de começo tende a aumentar mensalmente, considerando o perfil de gastos do usuário.

Portanto, se o cliente gastar dentro do mês todo o valor do limite disponibilizado, isso será um indício claro de que o limite do cartão de crédito precisa ser alterado para mais.

Outras práticas também são vistas, como por exemplo, a de antecipação de pagamento da fatura, além da quitação do valor inteiro pelo cliente.

O Santander Free recebe algumas reclamações acerca do valor inicial de crédito. A alegação é que ele costuma vir muito baixo. No entanto, isso é por um período relativamente curto. Com o passar dos dias, o cliente poderá ver esse valor subir para melhores patamares.

O programa de Benefícios do cartão de crédito Santander Free e do Nubank

O Banco Santander mantém um programa de benefícios denominado de Esfera. Assim, a cada determinado valor gasto no cartão de crédito, o cliente recebe um ponto nesse programa. A proporção é cinco por um. Noutras palavras, ganha-se um ponto a cada R$ 5 gastos.

Assine a nossa newsletter

Após acumular vários pontos, o usuário poderá entrar no site do banco, no espaço destinado ao Programa Esfera, e, desse modo, trocar os seus pontos por produtos e serviços.

Existem boas opções para troca desses pontos. Tais como: eletrodomésticos, eletrônicos, vestuário, passagens áreas e muitos outros itens.

O cartão de crédito do Nubank também possui um programa de pontos. Contudo, para participar, o usuário precisa pagar uma mensalidade de R$ 19,90.

Mas a conversão é de um por um. Ou seja, para cada R$ 1 gasto converte-se um ponto dentro do programa. A participação não é obrigatória.

Compras no Exterior e pela Internet

Os dois cartões são elegíveis para realização de compras fora do país. Portanto, são cartões de crédito internacionais. Além disso, ambos têm um cartão virtual, no qual há mais segurança para o cliente nas suas compras pela internet.

Então, além de poderem controlar o limite de compras do cartão de crédito em sites, os códigos de segurança podem ser trocados de hora em hora.

A vantagem do Santander Free neste quesito, foi ter saído primeiro com esta novidade no mercado.

Taxas de juros dos cartões para rotativo e parcelamento

Como é sabido as taxas de juros de qualquer cartão de crédito são de fato escandalosas. Por isso o segredo é nunca precisar pagar o mínimo do cartão ou parcelar a fatura do mês.

No cotejo entre os cartões, verifica-se que o rotativo do Nubank é mais caro e fica em torno de 14% ao mês. Já taxa do rotativo do Santander Free em média é 10,49%. Caso haja parcelamento, paga-se ao Nubank 9,75% ao mês, e, pelo Santander Free, 9,99% ao mês (sujeito a verificação no dia da transação).

Segurança e facilidade no uso dos aplicativos dos cartões de crédito

Uma vez acessado, não haverá exigência de senha para logar no aplicativo do Nubank. Contudo, para fazer qualquer operação a senha será exigida; além da obrigação de um registro do dispositivo do usuário. Na prática, outras contas não serão acessadas daquele celular.
Com relação ao Santander Free todas as vezes que se entra no aplicativo, exige-se a colocação da senha para navegação. E, logicamente, também para as operações.

Outra facilidade do cartão de crédito Santander Free é que mesmo não sendo correntista, o usuário tem disponibilizado um limite para empréstimo pessoal no valor do limite do cartão.

No entanto esse limite não se confunde com o limite a ser usado pelas compras do próprio cartão. E a simulação do empréstimo, por sua vez, pode ser feita dentro do próprio aplicativo.

Quanto mais competição, melhor para o consumidor

Diante do que foi apresentado, percebe-se certo equilíbrio entre os produtos. E é isso que o consumidor espera. Pois em sendo assim, tarifas tendem a abaixar e mais benefícios virão à tona para o cliente.

Em síntese, caso o usuário entenda que vai gastar pelo menos mais de R$ 100 ao mês, o cartão Santander Free parece ser mais atraente, pelo conjunto de benefícios e pelas tarifas menores. Entretanto, se esse não é o caso, o roxinho Nubank continua sendo o mais indicado.

   

Comentários
Loading...