Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Leilão da Caixa: FGTS pode ser usado para comprar imóvel com até 75% de desconto


O Diário Prime News não tem vínculo com nenhum banco ou instituição financeira. O objetivo do nosso blog é oferecer aos nossos leitores informações úteis, de qualidade e verídicas. Em caso de dúvidas fineza fazer contato pelo e-mail [email protected]. Se preferir pode fazer uma pergunta à nossa redação clicando aqui!

Recursos do FGTS poderão ser utilizados em lances do leilão de imóveis que a Caixa Econômica Federal vai realizar neste mês de junho, dias 13 e 26. Serão 60 imóveis, desde o padrão mais popular até o de nível mais elevado e que poderão ser financiados. Os imóveis são apartamentos, lojas, terrenos e casas. Já os valores serão negociados partindo de um desconto de 75% do valor de mercado.

FGTS pode ser usado em leilão de imóveis da caixa, com até 75% de desconto
FGTS pode ser usado em leilão de imóveis da caixa, com até 75% de desconto

O leilão representa uma grande oportunidade de negócios, com o uso do FGTS

Siga o Diário Prime no Google News. Receba de graça os melhores conteúdos como TV Online , Loterias, Futebol ao Vivo, Finanças, Forex, em primeira mão.

Como normalmente os recursos do FGTS só podem ser utilizados na aquisição de imóveis novos, esta facilidade criada, portanto, é um diferencial.

Os imóveis concentram-se na capital São Paulo, entretanto, municípios como Cotia, Guarulhos, Taboão da Serra, Mogi das Cruzes e Mauá, também têm oportunidades.

As pessoas interessadas poderão, desde já, consultar informações dos imóveis, através do site da empresa leiloeira, Frazão Leilões.

Além disso,a participação no leilão pode ser feita de forma presencial ou pela internet.

Antes, é recomendável se informar em alguma agência e verificar informações, tais como: saldo do FGTS e condições de parcelamento.

Leia ainda:Minha Casa Minha Vida: Caixa e governo estudam aluguel social para o cidadão de baixa renda

Caixa corta juros no crédito imobiliário

A redução das taxas atinge o Sistema Financeiro de Habitação:

  • O SFH, onde é permitido o uso do FGTS e abrange imóveis de até R$ 1,5 milhão de reais.
  • E também o Sistema Financeiro Imobiliário , o SFI, onde o uso do FGTS, entretanto, não é permitido e os imóveis estão acima dessa faixa de valor.

Como ficou a redução

  • SFH – Antes, a taxa para clientes da Caixa era calculada em cima da TR (taxa referencial) + 8,75% e agora ficou TR (que está zerada hoje) + 8,5%.
  • SFI – Antes era TR + 9,75% e agora caiu para TR + 8,5% (condição para clientes do banco).

Essas condições começam a valer a partir desta segunda-feira, 10 de junho.

Ainda nas próximas semanas, a CEF pretende apresentar uma nova modalidade de crédito, com os juros ao invés de serem atrelados à Taxa Referencial, atrelados ao IPCA que é o índice oficial de preços.

Vantagens para clientes do banco

O banco pretende oferecer, para financiamentos imobiliários, a tabela Price (confira uma explicação da tabela logo abaixo).

Nessa opção a parcela inicial do financiamento deve reduzir em até 15% com valores iguais por todo o empréstimo.

Na tabela SAC, a primeira parcela é mais alta, mas as demais vão diminuindo ao longo do financiamento.

Sistema de Amortização Price:

  • Sistema de amortização, onde a forma de quitação da dívida é realizada pagando parcelas iguais do início ao fim.

Esta é uma boa opção para o contratante do financiamento, quando se trata de estabilidade e planejamento financeiro.

Uma boa notícia, portanto, na hora de de planejar os recursos do FGTS para aquisição de um imóvel.

Leia ainda: Caixa vai oferecer até 90% de desconto para negativados no SPC/Serasa pagarem dívidas


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

Últimas Publicações