Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Por que vale a pena sacar o dinheiro do FGTS? Entenda


O Diário Prime News é um blog independente, que não tem vínculo ou associação com nenhum banco, instituição financeira ou órgãos de proteção ao crédito, tais como SPC, Serasa, Boa Vista etc. Em caso de dúvidas fineza fazer contato pelo e-mail [email protected]. Se preferir pode fazer uma pergunta à nossa redação clicando aqui!

Com a criação de duas modalidades de saque do FGTS, um resgate único de até R$ 500 por conta (ativa e/ou inativa), e o saque-aniversário no qual o trabalhador poderá sacar todos os anos uma determinada quantia do saldo depositado, a questão é: vale a pena sacar o dinheiro do FGTS?

Por que vale a pena sacar o dinheiro do FGTS?
Por que vale a pena sacar o dinheiro do FGTS?

Como vai funcionar o saque do FGTS?

Nesse primeiro momento, será permitido o saque imediato do FGTS de até R$ 500 por cada conta que o trabalhador tiver, seja uma conta ativa (emprego atual) ou inativas (empregos anteriores).

Entenda:

Se um trabalhador tiver 4 contas, uma ativa, do emprego atual, e três inativas, dos empregos anteriores, e em cada conta ele tenha mais de R$ 500 reais de saldo, o saque máximo permitido, portanto, será de R$ 2.000,00 (dois mil reais); R$ 500 por cada conta.

O saque aniversário vai permitir ao trabalhador fazer retiradas anuais do FGTS, a partir de abril de 2020.

Contudo, para ter direito ao saque aniversário, é necessário optar por essa modalidade.

A Caixa vai divulgar informações sobre como e onde optar por esse saque no dia 01º de outubro de 2019.

Mas quais as principais vantagens em sacar o dinheiro do Fundo de Garantia?

Resumidamente, ao optar pelo saque, você terá acesso a um dinheiro extra agora (saque imediato) e anualmente (caso opte pelo saque-aniversário) e, assim, vai poder usar para diversas finalidades.

Usar para quitar dívidas e regularizar a situação financeira

Se tiver dívidas, uma boa estratégia é usar os recursos para pagá-las integralmente ou quitar boa parte delas, renegociando o saldo.

Leia ainda:cartão de crédito Mercado Pago oferece prêmios diferenciados; confira

Construção de uma reserva de emergência

Aplicar o dinheiro em investimentos com boa rentabilidade e que permitam saques a qualquer momento, no caso de uma emergência.

Destinar o dinheiro para aplicações de longo prazo ou de “risco”

Dependendo do seu perfil de investidor, você pode aplicar em previdência privada, fundos de ações e títulos do tesouro.

Adquirir produtos com descontos, podendo pagar à vista

Ajudar a adquirir ou trocar um eletrodoméstico antigo por um novo, como por uma geladeira mais eficiente no consumo de energia, por exemplo.

Assim, se for possível, com o dinheiro do FGTS  pode-se comprar à vista; certamente, você vai conseguir bons descontos.

Qualificação profissional

Buscar o aperfeiçoamento profissional sempre é uma boa estratégia.

Portanto, usar o dinheiro em cursos de qualificação pode representar um diferencial na carreira.

Deixar o dinheiro do FGTS investido no fundo pode render quanto?

O retorno do FGTS com a distribuição de 100% do lucro do fundo, tende a se tornar uma aplicação vantajosa.

Assim, o rendimento do FTGS será de 3% ao ano (a.a.) + TR + 100% do resultado do fundo e é possível que o rendimento fique próximo de 4% ao ano.

Analistas financeiros estão prevendo que o dinheiro aplicado no FGTS seja mais rentável do que a poupança, por exemplo.

De acordo com relatório Focus do Banco Central, a taxa Selic deverá cair e ficar em 5,5% a.a. até o final do próximo ano.

Isto significa que a Caderneta de Poupança renderá aproximadamente 3,85% ao ano.

Leia ainda:Cartão de crédito financia pagamento de contas de consumo em até 3 vezes sem juros


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!