Uma das novas séries da Netflix, a polêmica “Baby” ainda não estreou no catálogo da plataforma de streaming e já está causando a maior repercussão. Essa série produzida na Itália inicia nessa sexta-feira, dia 30 de novembro e promete ser uma causadora de controvérsias.

O ponto chave da polêmica toda é que a trama é baseada em um escândalo de prostituição de menores de idade que abalou a nação italiana, no ano de 2013. Recebendo o nome de ‘Baby Squillo’ (alcunha dada a uma prostituta muito jovem, termo similar à expressão inglesa ‘Sugar Babies’) esta rede de prostituição adolescente da elite romana, envolveu, em seu ápice, uma variedade enorme de empresários e políticos da Itália, incluindo nesse rol Mauro Floriani, esposo de Alessandra Mussolini, que nada mais é a neta do ditador fascista italiano Benito Mussolini.

As duas mocinhas adolescentes, uma de 14 e a outra de 15 anos, em que pauta a nova série da Netflix vendiam serviços sexuais em troca roupas de grife e outros itens de luxo. As protagonistas são Chiara e Ludovica, interpretadas por Benedetta Porcaroli e Alice Pagani, duas moças que, na parte diurna, assistem um dos mais requintados colégios da cidade de Roma e à noite se prostituem para uma infinidade de políticos, advogados e também de empresários.

Em vez de ficar focada nas questões que abrangem a prostituição de menores e o tráfico sexual, a série busca exibir o lado destas meninas socialmente privilegiadas e o que as induz a seguir essas caminhos. 

Talvez este seja um dos motivos pelo qual a nova série tem causado muita polêmica e uma quantia expressiva de críticas, mesmo antes de estrear. Uma das pessoas que se manifestaram contrárias foi Lisa Thompson, que nada mais é do que a vice-presidente do Centro Nacional de Exploração Sexual dos Estados Unidos, que, de acordo com a Vogue Espanha, chamou a postura da Netflix de “hipócrita” ao mandar Kevin Spacey embora mas, em seguida, dar vazão a uma série com esses atributos.

Colabore, deixe seu comentário logo abaixo!


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here