Top Stores

- Publicidade -

Gatos com síndrome de down; entenda as 5 dicas para cuidar do pet

É de extrema importância ter um veterinário de confiança para acompanhar o seu pet

Muitas fotos viralizaram recentemente de gatos com síndrome de down, mas é importante ressaltar que o nome correto dessa condição é Trissomia. Alguns felinos nascem com traços semelhantes às pessoas que apresentam síndrome de down. Acompanhe esses gatos nessa quarta (21) aqui no Diário Prime.

Leia mais: Cachorro pequeno: como transportá-lo de forma correta?

Apesar das semelhanças, diversos especialistas comentaram que a síndrome de down é uma condição exclusiva de seres humanos, portanto, não é correto atribuir essa síndrome aos gatos.

Entenda a condição desses gatos com síndrome de down

gato-com-síndrome-de-down-2
O nome correto para essa condição é Trissomia. (Imagem: FreePik)

Primeiramente, é importante explicar o motivo dessa síndrome acontece apenas em humanos. Isso ocorre, pois essa síndrome é uma anomalia que ocorre no par de cromossomo 21, porém os gatos apresentam apenas 19 pares.

Os gatinhos que aparecem nessas fotos possuem Trissomia, que é uma anomalia cromossômica dos felinos. Dentre as principais características dessa condição temos os olhos do animal afastados, dificuldade para enxergar e ouvir, formato do crânio diferenciado e problemas na tireoide, por exemplo.

Leia mais: Raças de cachorro grande e dócil esbanjam amor proporcional ao tamanho

Tendo em vista que a causa da Trissomia é uma alteração cromossômica, não existe um tratamento capaz de reverter essa condição nos gatos. É de extrema importância ter um veterinário de confiança para acompanhar o seu pet, a fim de cuidar das enfermidades relacionadas a essa condição.

Confira 5 dias para cuidar desses animais

gato-com-síndrome-de-down-3
É importante saber como aumentar a qualidade de vida do pet. (Imagem: Freepik)

Como a locomoção é algo bastante afetado nesses gatos com síndrome de down, é essencial que sua casa não tenha muitos obstáculos, assim, o animal poderá andar sem correr riscos. Coloque portões nas escadas, evitando que o felino caia e se machuque.

Certifique-se que o seu animal de estimação esteja recebendo uma dieta adequada, porque é importante que ele se alimente bem. Isso melhorará a saúde do animal de uma maneira geral.

Estimule o seu gatinho a fazer exercícios físicos, seja como brincadeiras ou caminhadas. Assim ele também ficará em forma e terá uma maior qualidade de vida.

Não perca a paciência caso o seu gato não aprenda tudo rápido, eles possuem o seu próprio tempo de aprendizado. Ou seja, se você tiver paciência, eles aprenderão.

Leia mais: Infecção intestinal em cães: conheça as principais causas e o que você pode fazer; Veterinária explica

Por fim, dê muito amor ao seu pet, independente de sua condição, não o trate como diferente dos outros gatinhos.

Portanto, agora você já sabe que gatos com síndrome de down possuem, na realidade, Trissomia, além de saber como aumentar a qualidade de vida deles.

Por último, confira o vídeo a seguir e veja a importância da sua atenção com pets.

Comentários
Loading...