Top Stores

- Publicidade -

Adaptação do cachorro novo: o que o tutor pode fazer? Veja aqui

Saiba como fazer a adaptação do seu cãozinho nos primeiros dias em casa

Top Stories Bolo brevidade: aprenda a receita que realmente é “breve”, mas muito saborosa

A chegada de um novo animal em casa é sempre algo aguardado com muita expectativa e alegria. No entanto, muitos tutores tem dúvidas quanto a adaptação do cachorro novo em casa e com o intuito de ajudá-lo nessa tarefa, trouxemos hoje (23/07) aqui no Diário Prime uma matéria bem legal. Dessa forma, não deixe de conferir.

Adaptação do cachorro novo: o que o tutor pode fazer? Veja aqui
Adaptação do cachorro novo: o que o tutor pode fazer? Veja aqui – CANVA

Adaptação do cachorro novo em casa? Por onde começar?

Com a chegada de novos membros a família, alguns ajustes devem ser feitos. Dessa forma, tudo estará perfeito quando seu cãozinho chegar.

Muitas vezes, quando se tem algum pet em casa, seja gato ou um cachorro mais velho, introduzir um filhote pode ser uma tarefa difícil e que na maioria das vezes pode gerar muito estresse e frustação.

Portanto, é muito importante que o tutor prepare o ambiente antes da chegada no novo animal. Isso envolve escolher o local que o filhote vai ficar, bem como seus objetos pessoais de comida e água, e até sua caminha.

Além disso, é importante definir onde ele fará suas necessidades fisiológicas como xixi e cocô. Lembre-se de manter o estoque de tapetes higiênicos. E se tiver acesso, tenha difusores de feromônios sintéticos para colocar no ambiente.

Outro item bem importante para se ter, é adquirir uma caixa de transporte, pois isso facilitará no transporte do filhote, bem como ajudará e muito na hora do tutor acostumar com os outros animais da casa.

Tudo no seu devido tempo

Adaptação do cachorro novo: o que o tutor pode fazer? Veja aqui
Adaptação do cachorro novo: o que o tutor pode fazer? Veja aqui – Vidaanimal

Tenha paciência com o processo, isso é muito importante. Pois cada animal responde de maneira diferente ao período de socialização. E, portanto, não force isso ou ao contrário poderá gerar traumas e brigas entre os animais.

Muitos tutores acabam levando o filhote muito cedo para casa e devido a isso, o pet pode ter problemas com a socialização.

Continuando, o período mínimo para que o animalzinho tenha uma boa socialização com sua mãe e irmãos é 45 dias.

É justamente nessa fase, que acontece a formação da personalidade e educação dos pets, e, portanto, só após este período estará pronto para seu novo lar.

Dicas para facilitar a adaptação do pet

Uma dica super legal é levar o animalzinho durante o dia para casa. Dessa forma, dará a ele a chance de reconhecer o ambiente e todos os sons, além dos cheiros presente no seu novo lar.

Além disso, brinque com seu amiguinho, bem como o alimente-o e fique grudadinho com ele.

Nem pense em deixá-lo sozinho na garagem à noite ou trancando em algum cômodo.
Apresente-o com cuidado aos demais integrantes da família, seja animais ou outros humanos.

Faça isso com calma e tranquilidade, para que ele se sinta a vontade e seguro. Portanto, lembre-se que assim como os bebês humanos, o novo filhotinho precisará de cuidados e muito amor. Além do acompanhamento médico veterinário regular.

Veja no VÍDEO a diversão de pets em casa!

Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News.
Comentários
Loading...