Top Stores

- Publicidade -

Danilo Gentili envolvido em mais uma polêmica!

Apresentador do The Noite está sendo processado em R$88 mil por divulgação de post no Twitter

Top Stories Suco de goiaba com limão para imunidade: refrescante e nutritivo, faça em apenas 10 minutos

O humorista Danilo Gentili, 42 anos, está envolvido em mais uma polêmica. Nesta sexta-feira, 15, veio a divulgação de que um post compartilhado pelo apresentador em seu Twitter lhe rendeu um processo no valor de R$ 88 mil.

A ação judicial contra Danilo está sendo movida por Mariana Youssef e Giuseppe Siffredi, dois profissionais do ramo audiovisual. 

O desenrolar dos fatos é o seguinte: Danilo recomendou uma publicação de um perfil chamado ‘Henrique Soldani’, que aborda o comportamento da classe artística paulistana e menciona ataques da oposição ao partido PSDB. Um dos exemplos citados no perfil seria a cineasta Laís Bondanky e seu marido também cineasta, Luíz Bolognesi.

Veja essa também: Bil Araújo é o único peão de A Fazenda 13 a perder seguidores

No perfil Henrique Soldani, é citada uma suposta ligação de Mariana e Giuseppe com Laís. Mariana alega que é ofendida e perseguida por Gentili e pelo tal perfil ‘oculto’.

Os profissionais que entraram com a ação estão tentando junto ao Twitter e ao Facebook descobrir o verdadeiro dono do perfil, alegando que as afirmações publicadas trouxeram prejuízos às suas carreiras, vida pessoal e imagem. Enquanto isso, processam Danilo por danos morais. 

Danilo Gentili envolvido em mais uma polêmica! / Crédito de Imagem: Twitter
Danilo Gentili envolvido em mais uma polêmica! / Crédito de Imagem: Twitter

Uma carreira marcada por polêmicas

Não é a primeira vez que Danilo Gentili se vê envolvido em polêmicas. A carreira do comediante e hoje apresentador do The Noite, no SBT, começou como cartunista. Já naquela época, no início dos anos 2000, ele deu a seguinte declaração sobre o filme King Kong:

“Eu duvido que se o King Kong fosse branco iam atirar nele”.

Anos mais tarde, já famoso, Danilo fez uma postagem em seu Twitter sobre o mesmo filme e acabou sendo acusado de racismo. Na época, ele postou:

“Agora, no Telecine, King Kong, um macaco que depois que vai para a cidade e fica famoso pega uma loira. Quem ele acha que é? Jogador de futebol?”.

O apresentador chegou a ser processado, mas depois foi inocentado das acusações de injúria racial.

Em outra postagem que gerou burburinho, ele descontentou a comunidade judaica, dizendo:

“Entendo os velhos de Higienópolis temerem o metrô. A última vez que chegaram perto de um vagão foram parar em Auschwitz”. 

Confira essa aqui também: Lance Bass, ex-N’Sync, comemora nascimento de gêmeos; entenda

Posteriormente, pediu desculpas.

Uma outra pessoa afetada pela língua afiada de Gentili foi Luciana Genro, do PSOL, que, candidata à presidência em 2014, viu o apresentador colocar uma montagem de frases suas na internet como se tivessem saído da boca de Hitler.  

Mais recentemente, em 2019, o apresentador chegou a ser condenado por injúria em um processo movido pela deputada Maria do Rosário, do PT. Em 2016, ele a havia chamado de ‘cínica’, ‘falsa’ e ‘nojenta’. O caso levantou um grande debate entre anônimos e famosos sobre a liberdade de expressão.

No atual processo, Mariana Youssef e Giuseppe Siffredi pediram segredo de Justiça, mas a solicitação foi indeferida.

Rate this post

Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News.
Comentários
Loading...