Top Stores

- Publicidade -

Saiba como cultivar e cuidar de rosas, a “queridinha” das flores

Existem rosas das mais variadas cores e estilos

Top Stories Onde investir dinheiro todo mês e mudar o rumo de suas finanças? Veja 2 opções

Hoje (20/03) você irá aprender como cultivar e cuidar de rosas aqui no blog Decoração e Paisagismo do Diário Prime. Aliás, ela é originária da Ásia. Apesar de serem oriundas de climas temperados e frios, elas se adaptam muito bem também a climas quentes, com temperaturas entre 25°C e 30°C. Vamos aprender a cultivar?

Saiba como cultivar rosas

Surpreendentemente, as rosas estão entre as flores mais antigas do mundo, datando de 4 mil anos antes de Cristo. Não só isso, mas também foi, e é usada para os mais variados fins além da decoração. Ademais, há 200 espécies silvestre de rosa e 30 mil híbridas.

Leia mais: Como Plantar E Cuidar De Dálias: Aprenda Tudo Sobre O Cultivo Dessa Flor

Substrato e adubação da planta

Indubitavelmente, há algumas diferenças no plantio a depender de onde ele vai ocorrer. Assim, se vai ser em vasos ou em canteiros há variação. No entanto, em ambos os casos, é fundamental que a terra tenha uma boa qualidade e seja bem fofa.

A propósito, em regiões cujo solo é mais alcalino, recomenda-se aplicar 50 gramas de calcário por metro quadrado. Assim, se deve preparar o local de plantio com 8 dias de antecedência, em um lugar com ventilação, solo bem drenado e incidência direta de luz do sol, por pelo menos 6 a 7 horas.

rosas, como cultivar
As rosas não demandam cuidados complicados. Aprenda como cultivar Fonte da imagem: Pixabay

Agora, quanto ao substrato, se o plantio for em canteiro, ele deve ser composto de 10 litros de terra vegetal natural, 10 litros de esterco de gado ou cavalo, e 100 g de farinha de ossos. Deve-se misturar tudo isso muito bem. Depois, deve-se remexer a terra até 30 a 40 cm de profundidade. Ademais, é necessário quebrar os torrões e pedras.

Por outro lado, se o plantio for acontecer em vaso, é preciso se atentar que o tamanho do vaso deve ser proporcional ao porte da roseira. Consequentemente, as quantidades do substrato também devem ser adaptadas.

No que se refere à adubação, recomenda-se utilizar a adubação orgânica. Esta pode ser composta por esterco de gado, farinha de ossos e um pouco de húmus de minhoca. Lembre-se que o solo precisa ser recoberto com material vegetal.

Local que a rosa deve permanecer e rega ideal

rosas plantio, como cultivar
Saiba como cultivar e os cuidar de rosas, a “queridinha” das flores. Fonte da imagem: Pixabay

Conforme já se citou anteriormente, as rosas devem ficar em um local com bastante incidência direta de luz solar. Pois ela apreciam e precisam muito disso. De fato, necessitam de pelo menos 6 a 7 horas de luz do sol por dia.

Por sua vez, no que se refere a rega ideal, ela deve ser feita diariamente no horário de luz solar mais intensa, até a floração. Contudo, não se pode encharcar demais o solo, pois isso apodrece a raiz. Todavia, a partir disso, só se deve regá-la em momentos de seca, no máximo uma a duas vezes por semana, pois elas não gostam de água.

Por fim, as podas necessitam acontecer anualmente, nos meses de junho, julho ou agosto. O tipo de poda vai depender se é uma roseira mais arbustiva ou trepadeira. Porém, em geral, deve-se cortar as hastes.

Cuidados especiais com a rosa

Curiosamente, as rosas são muito atacadas por fungos e afins. Sendo assim, é necessário aplicar fungicidas na planta periodicamente. Mas, com os cuidados certos, podem florescer várias vezes por ano.

Se quiser, pode espetar a haste cortada da rosa em uma batata e plantar essa batata na terra. Ela se desenvolverá normalmente.

Veja também: Saiba Como Cultivar De Modo Certeiro A Flor Copo De Leite

Adubo orgânico

Janaína Barros entrevistou a herborista Sabrina Jeha falando sobre os cuidados com as plantas e também sobre o adubo orgânico.

Rate this post

Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News.
Comentários
Loading...