Top Stores

- Publicidade -

Como plantar e cuidar de dálias: aprenda tudo sobre o cultivo dessa flor

Aprenda dicas importantes para ter e cuidar dessa flor especial.

Top Stories O que fazer para um papagaio falar? Aprenda com as dicas e acerte em em cheio

Hoje (17/03) você irá aprender tudo o que precisa saber para cultivar plantas, os cuidados para ter dálias, você vê  aqui, no Blog Artesanato e Paisagismo do  Diário Prime. Primordialmente, saiba que ela é originária do México. Contudo, se espalhou mundo afora. Desse modo, ela se adapta melhor a climas tropicais ou subtropicais. Ou seja, climas quentes e úmidos.

Saiba como cultivar plantas, como cuidar e ter dálias

A priori, existe mais de 3000 variedades dessa flor, a dália. Contudo, em linhas gerais, pode-se dividi-las em anuais, as quais se desenvolvem a partir de sementes, e aquelas que se desenvolvem a partir de tubérculos. Curiosamente, vão de 30cm a 5 metros de altura.

Leia mais: Bromélias Em Apartamento: Saiba Tudo A Respeito De Como Cultivá-Las

Substrato e adubação da flor

Indubitavelmente, um solo bem drenado é o ideal para a dália. Todavia, ela é capaz de se desenvolver em vários solos, desde que não seja alcalino ou ácido demais. Sem dúvida, os argilosos são os melhores para ela. Ou seja, o substrato deve ser levemente ácido, drenado, argiloso e abundante em matéria orgânica.

Na hora do plantio, misture um pouco do solo que você extraiu, com um pouco de turfa e farinha de ossos. Se o solo estiver muito compactado, acrescente mais arria e um tipo de adubo chamado “terriço”.

Como cultivar planta , as dálias cuidados
Como cultivar planta, dália -Fonte da imagem: Pixabay

Agora, no que tange à adubação, as dálias desfrutam de muitos benefícios  com adubos detentores de baixo nitrogênio, além de adorar aqueles com muito fósforo e potássio. Recomenda-se preparar o solo no outono, aplicando estrume para adubar e depois plantá-las na primavera.

Local que a flor deve permanecer e rega ideal

dálias como cultivar de plantas
Como cultivar plantas e cuidar de dálias: aprenda tudo sobre o cultivo dessa flor. Fonte da imagem: Pixabay

Inopinadamente, não é necessário regar a dália até que surjam suas plantas. Com efeito,  a verdade é que o excesso de irrigação pode até mesmo fazer com que os tubérculos dela apodreçam. Depois que as plantas aparecerem, regue abundantemente em dias intercalados.

Assim que elas se estabelecerem bem, efetue uma rega profunda com uma periodicidade de 2 a 3 vezes por semana. Se porventura o clima for um pouco mais seco, procure regar mais.

Ademais, a dália deve ficar a pleno sol, com bastante iluminação. Mas em locais com um calor intenso demais, ficam melhor quando cultivadas a meia sombra.

No que se refere a poda, ela deve acontecer no inverno. Afinal, é nessa época que ela começa a murchar, se ressecar e perder a cor. Após a poda, deixe-a em algum canto, sem molhar, pois a germinação dos brotos ocorre na primavera.

Cuidados especiais com as dálias

Inquestionavelmente, todas as dálias necessitam de estacas. De fato, a única exceção a essa regra são as anãs.

Ainda que o seu plantio possa ocorrer em diferentes condições de clima, ela não suporta geadas. Além disso, como os seus ramos se quebram com facilidade, devem ser protegidas dos ventos.

Cabe lembrar que algumas espécies de dália são tóxicas para humanos, como a pompom, por exemplo. Sendo assim, tenha cuidado no manejo. Curiosamente, toda dália é tóxicas para animais como gatos e cães, então tenha cautela redobrada com seus pets.

Adubo orgânico

A jornalista Janaína entrevistou a herborista Sabrina Jeha falando sobre os cuidados com as plantas e também sobre o adubo orgânico.

Rate this post

Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News.
Comentários
Loading...