Dário Prime / dbol
Art is not a luxury, but a necessity.

Desemprego atinge sobretudo aqueles que são mais jovens

Desemprego entre jovens chega a ser o dobro do que atinge a população em geral


Fechado o primeiro trimestre de 2019, o Brasil atingiu a marca de 12,5% da população desempregada. O desemprego atinge cerca de 13,2 milhões de brasileiros. Contudo, mesmo considerando esse número alto, ele pode ser ainda maior considerando outras metodologias de análise.

Por exemplo, a taxa composta de subutilização da força de trabalho, que inclui taxa de desocupação, taxa de subocupação por insuficiência de horas e a taxa de força de trabalho potencial (pessoas aptas a trabalhar, mas que desistiram de procurar emprego), chega a 24,9%.

Todavia, essas taxas preocupantes não atingem toda a população de maneira igual. Afinal, existem dados que mostram que o desemprego atinge principalmente a população mais jovem. Dados recentes mostram que o desemprego atinge números que são o dobro da população em geral entre pessoas até 29 anos. Quais seriam as razões disso?

Siga o Diário Prime no Google News. Receba de graça os melhores conteúdos, Loterias, Futebol ao Vivo, Finanças, em primeira mão.
Desemprego atinge, sobretudo, mais jovens. Fonte da imagem: reprodução rede brasil atual

A educação precária é uma barreira

A qualidade baixa, sobretudo do Ensino Médio, contribui para o aumento do desemprego que atinge a população jovem no Brasil. No ano de 2017, por exemplo, nenhuma das 27 unidades federativas do país atingiu as metas de qualidade nesse nível de educação de acordo com o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Analogamente, desenvolveu-se um mercado de ensino superior privado. Nele, a maioria das instituições possuem qualidade baixa, além de mensalidades caras. As universidades públicas, ainda que muitas possuam qualidade internacionalmente reconhecida, são de difícil acesso à maioria da população. Assim, as mudanças econômicas e no mundo do trabalho atingem principalmente a população jovem.

Desemprego também atinge a autoestima

Conforme pesquisas recentes, a baixa autoestima afeta cerca de 56% dos desempregados. Vergonha perante a família, ansiedade, frustração e estresse são sinais mais comuns. Igualmente, pesquisas revelam que o desemprego atinge também a saúde dos desempregados, como em problemas com o sono e outros.

Assim, também não é estranho que a depressão atinja níveis considerados alarmantes entre a população jovem. E é a população jovem, sobretudo, que também procura refúgios a esse quadro nos abusos de álcool e drogas. Além disso, se refugiam na validação de grupos extremistas virtuais. Em suma, há uma necessidade urgente de se debater e buscar soluções ao desemprego que atinge os mais jovens.


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

Últimas Publicações

comentários
Loading...