Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

- Publicidade -

Anamnese na Estética e a sua importância

A importância da anamnese para a clínica e também para o paciente, deve ser compreendida.


0

No primeiro momento de uma consulta com uma cliente, antes de qualquer procedimento, é preenchida uma ficha de anamnese. As informações que o paciente der para essa ficha necessitam ser precisas e verdadeiras, pois elas guiarão o tratamento e, basicamente, nortearão para melhores resultados.

É preciso deixar claro para o paciente que ele não deve omitir informações, pois todos os procedimentos, desde os mais básicos  até os que utilizam maquinários, possuem contraindicações. Parte da anamnese, por exemplo, é entender os hábitos alimentares do paciente. Nela, você também descobrirá se o paciente possui doenças que possam afetar o tratamento, alergias e se houve procedimentos anteriormente.

anamnese na estética
Anamnese na Estética e a importância para o profissional e clínica estética. / Diário Prime.

Anamnese na estética

A anamnese na estética acontece logo no começo da consulta, quando o profissional fará uma pequena entrevista com o paciente. Ao contrário do que muitos profissionais pensam, uma boa anamnese, feita de forma precisa, otimizar o tempo do tratamento. Isso porque você terá todas as informações que precisa para fazer as melhores escolhas para o paciente.

A anamnese na estética e a avaliação facial e corporal são os primeiros passos para definir os tratamentos adequados. A análise da região que o paciente busca tratar será crucial nesse momento.

Como deve ser uma boa anamnese?

Na sua anamnese, você deve tirar dúvidas como: saber se o paciente está recebendo algum acompanhamento ou tratamento médico, quais são os cosméticos utilizados no dia a dia, qual o tempo de exposição ao sol, e se é usado protetor solar, se possui restrições alimentares e medicamentosas, entre muitos outros tópicos.

Outras informações necessárias são os dados pessoais, que, apesar de poder parecer básico, são muito importantes, como nome, idade e endereço. Na sequência, é preciso ter um espaço para que o cliente conte o que o está incomodando.

É muito interessante também perguntar para o paciente se ele usa lente de contato, caso seja necessário retirar; se é fumante, pois a pele de um fumante requer cuidados especiais; se ingere bebidas alcoólicas; como é o funcionamento do intestino; como são as horas de sono do cliente; se ele faz atividades físicas; se faz reposição hormonal, e outros tópicos que sejam importantes para o tratamento procurado.

Uma boa anamnese não só garantirá o melhor tratamento para o seu paciente, mas também demonstrará que sua clínica é atenciosa em cada detalhe. Também deixará seu trabalho mais fácil, pois você terá mais informações sobre o paciente em questão e poderá, assim, seguir o melhor caminho.


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!