Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Fórmula 1: Ferrari é a favorita para o GP de Monza, mas precisa acertar detalhes

A Ferrari é a favorita para vencer o Grande Prêmio de Fórmula 1 da Itália, em Monza. Porém, a equipe não está tão confiante assim. Por mais que tenha atualizado o motor, a realidade é que a equipe afirmou que ‘precisa fazer tudo certinho’. O motivo para tal o “medo” foi a falha de motor que Antonio Giovinazzi teve na Bélgica.

Fórmula 1: Ferrari é a favorita para o GP de Monza, mas precisa acertar detalhes
Fórmula 1: Ferrari é a favorita para o GP de Monza, mas precisa acertar detalhes

Ferrari é a favorita para vencer Fórmula 1 em Monza, mas diz que ‘precisa fazer tudo certinho’

A Ferrari é a favorita para o GP de Monza. A equipe chega com a moral alta, pois quebrou o jejum de vitórias em 2019. Vale lembrar que no último GP de Fórmula 1 da Bélgica, Charles Leclerc conseguiu a vitória em Spa-Francorchamps.

Mattia Binotto, chefe de equipe, afirmou com veemência que vencer pela primeira vez em 2019 foi algo fundamental. Por outro lado, entende que será muito complicado vencer novamente e para isso é preciso ser perfeito. Mattia disse: “Vencer foi importante para a nossa torcida, porém, eu espero que eles nos apoiem bastante”.

Além disso, o piloto da Mercedes, Lewis Hamilton, se aproximou de Leclerc nas voltas finais e isso foi um aviso. “Vimos que para vencer, nós precisamos fazer tudo com perfeição e desde a classificação. Passando pela largada, tendo bom gerenciamento e contando com os pilotos sem ter qualquer tipo de erro”, afirmou Binotto.

A equipe da Ferrari atualizou o seu motor para a Fórmula 1, mas tem uma pequena preocupação. Já que a nova especificação inserida na Alfa Romeu, equipe cliente, teve uma falha na unidade de potência do piloto Antonio Giovinazzi.

Veja ainda: Bugatti: Novo hiper carro que custa quase R$ 36 Milhões

O que foi detectado nessa falha?

“Iremos analisar o que aconteceu, pois essa é uma quebra que aconteceu cedo e que deve estar errado. No entanto, voltará para Maranello e nós iremos desmontá-lo, entender os erros e corrigir”, afirmou o chefe de equipe.

O carro da Ferrari é rápido, mas sofre com a questão dos pneus e principalmente quando utilizam os médios. Entretanto, com os pneus macios o desempenho é bom e satisfatório. Ou seja, basta efetuar a correção.

Outro ponto positivo é as brigas entre os companheiros de equipe, Vettel e Leclerc, pois pode ser perigoso.

No último GP de Fórmula 1, Vettel aceitou deixar Leclerc ir embora e a Ferrari parece estar aprendendo a usar sua estratégia.

Leia também: Entrevista: Nelson Piquet revela mitos e verdades da carreira

Comments
Loading...