Golpes financeiros em idosos cresceram 60% na quarentena

Um dos golpes mais comuns direcionados aos idosos são as ligações telefônicas fraudulentas

0
169
Golpes financeiros
Golpes financeiros em idosos cresceram 60% na quarentena, aponta Febraban Foto - Pixabay

Golpes financeiros em idosos – A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) divulgou que desde o início da quarentena houve um aumento de 60% em tentativas de golpes financeiros contra idosos.

Frequentemente, os estelionatários combinam novas tecnologias com truques antigos para fazer as pessoas enviarem dinheiro ou informações pessoais.

A Febraban ainda informou que os bancos investem R$ 2 bilhões por ano em segurança da informação para garantir tranquilidade e segurança aos clientes e colaboradores. Veja os cuidados necessários e fique atento.

Golpes financeiros contra idosos

Golpes financeiros
Golpes financeiros em idosos cresceram 60% na quarentena, aponta Febraban Foto – Pixabay

As tentativas de golpes financeiros são as mais diversas. Um dos golpes mais comuns direcionados aos idosos são as ligações telefônicas fraudulentas, onde o estelionatário diz ser do banco e pede dados pessoais como a senha do banco, por exemplo.

Esse tipo de tentativa representou 70% das fraudes, segundo o levantamento da Febraban.

Os idosos ainda são particularmente vulneráveis ​​a golpes de sorteios, que induzem as vítimas a acreditar que ganharam um prêmio importante, e para isso precisam sacar um valor e fazer o repasse, para depois ter direito ao prêmio.

Em decorrência desse aumento de golpes financeiros durante a pandemia, a Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa e do Banco Central, está lançando uma campanha para informar e conscientizar sobre as tentativas de golpes financeiros.

De acordo essa campanha, os órgãos querem fazer uma ação integrada entre o sistema financeiro, o regulador e o governo para diminuir os desfalques financeiros no país.

Leia mais: Novas regras do auxílio emergencial são mais rígidas; saiba mais

Fique atento 

É importante ficar atento a algumas medidas de segurança contra algum tipo de fraude. Confira as dicas:

Desconfie 

Os golpistas costumam se passar por alguém supostamente confiável, como um funcionário do banco ou instituição de caridade.

Não envie dinheiro ou forneça suas informações pessoais em resposta a uma solicitação inesperada – como mensagem de texto, telefonema ou e-mail.

Fale com alguém

Antes de dar seu dinheiro ou informações pessoais, converse com alguém de sua confiança. Golpistas oportunistas querem que você tome decisões rapidamente.

Eles podem até ameaçá-lo. Vá devagar, confira a história, faça uma busca na internet, consulte um especialista – ou apenas converse com um amigo.

Não pague adiantado por uma promessa 

Alguém pode pedir que você pague antecipadamente coisas como ofertas de crédito e empréstimos. Eles podem até dizer que você ganhou um prêmio, mas que primeiro precisa pagar taxas.

Mas se você pagá-los, eles provavelmente ficarão com seu dinheiro e desaparecerão.

Se conhece alguém que foi vítima de golpes financeiros contra idosos, é importante registrar um boletim de ocorrência na polícia local.

Continue lendoSaiba como fazer MEI gratuito e sem sair de casa: veja o passo a passo

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here