Limpar o nome no Serasa, SPC e SCPC sem pagar a dívida? Trabalhador precisa ficar atento aos golpes

0
119
"Limpar o nome" sem pagar a dívida, cuidado com o golpe!

O Diário Prime publicou em seu editorial um dado alarmante, e quem tem dividas precisa ficar atento, o Brasil já registra em 2018, o número assustador de mais de 61 milhões de cidadãos inadimplentes. Em média, cada uma dessas pessoas endividadas, tem ao menos 4 restrições em seu nome. Ou seja, são 4 dívidas por CPF.  Caso sejam somadas todas essas dívidas juntas, vai se chegar à quantia aproximada de R$ 274 bilhões.

Esse cenário desolador, é perfeito para o surgimento dos estelionatários. Gente que diz poder solucionar todos os seus problemas como num passe de mágica.

Portanto o trabalhador que perdeu o seu emprego ou mesmo por um descontrole se viu na esparrela das dívidas, precisa ficar atento para não cair no golpe do: “limpo o seu nome sem você precisar pagar a dívida”.

Leia também:

"Limpar o nome" sem pagar a dívida, cuidado com o golpe!
“Limpar o nome” sem pagar a dívida, cuidado com o golpe!

Golpes aplicados pelo país

Os estelionatários se aproveitam de um momento de fragilidade para agirem. Muita gente desejosa por ver o nome livre da dívida e com nova possibilidade de crédito no mercado, acaba por embarcar nessas ciladas.

Tem de tudo por aí. Estelionatários, por exemplo, oferecendo o nome limpo em até 24 horas. Inclusive, com o score de crédito bem alto. O score é uma espécie de resultado de hábitos de relacionamento e pagamentos que o consumidor tem com o mercado.

Em outras palavras, o consumidor é pontuado nesse score, conforme o histórico de dívidas negativadas, pagamentos de contas em dia, relacionamento com as empresas e dados cadastrais atualizados.

Portanto, estelionatários prometem transformar o histórico dos clientes da “água para o vinho”. Tudo em tempo recorde. Dando ao trabalhador a condição de fazer compras normalmente, voltar a ter chances de financiamentos e por aí vai.

Nesses casos de golpe, um dos métodos dos estelionatários é pedir depósito antecipado. Por exemplo, eles consultam o CPF do consumidor e descobrem uma dívida de R$ 5 mil. Logo, costumam pedir um valor (que pode variar) menor do que a dívida. Feito isso, passam uma conta para depósito, prometendo acabar com a inadimplência do cidadão.

Esses golpistas ainda se apresentam como representantes de um grupo de empresas, que limpam os nomes das pessoas no mercado de crédito.

Há casos também onde pessoas de boa fé, acabam passando uma procuração para esses estelionatários que, a princípio, até limpam o nome da pessoa; porém, mais à frente, utilizam os dados que possuem para fazerem empréstimos consignados com o nome dela. Deixando a situação posterior pior àquela que estava antes.

É preciso muito cuidado para na hora do desespero, não cair nessas ciladas. É importante estar ciente que não se consegue limpar o nome a curto e médio prazo sem pagar a dívida.

O que de fato fazer para limpar o nome?!

Para quem está endividado e não está conseguindo pagar o valor cheio, existem apenas algumas soluções.

A primeira delas é fazer uma proposta ao credor. Explicar a situação e pedir um desconto ou um parcelamento da dívida. As prestações podem ser uma forma de aliviar a tensão.

No entanto, se você realmente não tem condições de pagar o que deve, o jeito mesmo é esperar 5 anos para que seu nome seja limpo automaticamente. Pode ser que nesse tempo, o próprio credor lhe procure, buscando uma solução mais amena.

Em caso de ter sido negativado de maneira injusta, é possível procurar um juizado de pequenas causas, para resolver o problema. Ficando provado que você tem razão, obviamente, não teria que pagar para limpar o seu nome.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here