Em cada dez consumidores, dois foram vítimas de fraudes, alerta SPC

0
23

05 de dezembro de 2019 – Levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), aponta que em cada dez brasileiros, dois (19%) foram vítimas de fraude financeira nos últimos 12 meses. Entretanto, com a chegada das festividades natalinas as chances dos consumidores caírem em golpes financeiros é maior.

Cerca de 30% dos brasileiros sofreram algum tipo de fraude em transações ou compras feitas pela internet.

Leia ainda: Cartão de crédito: saiba como identificar os golpes que utilizam o nome do Nubank

A cada dez consumidores, dois sofreram fraudes, alerta CNDL/SPC Brasil
A cada dez consumidores, dois sofreram fraudes, alerta CNDL/SPC Brasil

SPC: Cuidados para não cair em fraudes financeiras

A pesquisa da CNDL/SPC ainda aponta que 8% dos consumidores informaram os dados pessoais para terceiros através de ligação e e-mail, 7% tiveram os documentos furtados, 7% os dados de cartões falsificados e outros 6% perderam os documentos.

Em vista disso, é importante evitar o fornecimento de documentos ou senhas de bancos para desconhecidos. Nesse período de festividades muitos sites fraudulentos colocam preços extremamente baixos para atrair a atenção dos consumidores.

Entre as fraudes e os golpes mais recorrentes está o não recebimento do produto que deveria ter sido entregue em casa (34%), produtos entregues com características diferentes do especificado pelo vendedor (28%) e a clonagem de cartões (27%).

Além disso, o SPC alerta que 44% das vítimas obtiveram prejuízos financeiros.

Antes de fazer qualquer compra pesquise sobre a reputação da empresa e redobre atenção em sites de comércio eletrônico. Também é importante ter cuidado com e-mails fraudulentos, alerta Michel Felix, gerente de produtos do SPC Brasil.

O recomendável é observar criteriosamente a seção “Quem somos”, “Política de Privacidade” e o “Termos de uso”, pois em grande parte das vezes os textos são mal escritos e as imagens possuem baixa qualidade.

Além disso, pesquisar o site em redes sociais ou notícias também pode ser uma possibilidade, mas caso não haja informações sobre a empresa, pode ser um sinal de falsificação.

Ademais, o site Reclame Aqui pode ser utilizado para saber informações sobre o atendimento, compra e venda de uma determinada empresa. É um espaço gratuito para as reclamações dos consumidores e respostas das empresas a essas queixas.

Plataforma alerta consumidor sobre indício de fraude

O SPC Avisa é uma ferramenta que auxilia o consumidor na prevenção de fraudes. Ou seja, se o nome do usuário for incluído, excluído ou sofrer qualquer tipo de alteração no cadastro, ele recebe todas as informações via e-mail.

E todas as vezes que o CPF for consultado para obtenção de crédito ou for incluído na lista de inadimplentes do SPC, o consumidor é avisado em até 24 horas.

Vale ressaltar que o SPC Brasil disponibiliza o serviço grátis durante 30 dias. Neste caso, o serviço é válido apenas para os novos assinantes e uma única vez por CPF ou CNPJ.

Leia ainda: Novo golpe no WhatsApp usa promoção oficial de O Boticário

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here