Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Mais Lidas

Todo mundo comentando

61 milhões de brasileiros iniciaram 2020 negativados, aponta SPC

Não perca nenhum conteúdo de nosso Blog. Clique no botão abaixo e fique atualizado!

18 de janeiro – O número de brasileiros com contas em atraso caiu pelo segundo mês consecutivo, encerrando 2019 com uma queda de 0,2% em comparação com o ano anterior, é o que aponta os dados da CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) e o SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito).

Apesar disso, a estimativa é de que 61 milhões de brasileiros começaram o ano de 2020 com alguma conta em atraso e com o CPF restrito. No geral, somando todas as pendências, cada consumidor inadimplente deve em média R$ 3.257,91.

“A expectativa é de que a inadimplência siga em queda pelos próximos meses, mas a passos lentos. A aceleração desse quadro passa pela continuidade da melhora econômica e, em especial, daquilo que toca diretamente o bolso do consumidor: emprego e renda. Mesmo com a inadimplência caindo aos poucos, as famílias ainda enfrentam dificuldades para honrar seus compromissos em dia”, esclarece o presidente do SPC Brasil, Pellizzaro Junior.

Leia ainda: Banco Inter x C6 Bank: qual deles possui o cartão de crédito mais vantajoso?

61 milhões de brasileiros iniciaram 2020 negativados, aponta SPC
61 milhões de brasileiros iniciaram 2020 negativados, aponta SPC

SPC: Mais da metade dos inadimplentes possuem dívidas em atraso de até R$ 1 mil

Segundo o SPC, cerca de 52,8% dos inadimplentes possuem dívidas em atraso de até R$ 1.000 e 47,2% acima desse valor.

No mês de dezembro, o recuo mais expressivo da inadimplência aconteceu devido às dívidas com o setor de comunicação, como:

  • contas de telefonia,
  • internet
  • e TV por assinatura, com uma queda de 16,4%.

Entretanto, as dívidas bancárias, que incluem as contas do cartão de crédito, cheque especial, empréstimos e financiamentos, tiveram queda de 1,9%. Enquanto as dívidas contraídas no comércio via crediário subiram 0,9%, já as pendências básicas com água e luz cresceram 2,1%.

Inadimplência é menor no Nordeste

Contudo, o SPC ainda aponta que o número de inadimplentes no Nordeste é menor, apresentando um recuo de 3,2% na comparação entre dezembro de 2019 e dezembro de 2018.

Em contrapartida, o Norte é a região que possui mais inadimplentes, estima-se que 47,2% dos adultos ou 5,9 milhões de consumidores estão com o CPF negativado.

Enquanto o Centro – Oeste possui 42,4% ou 5,1 milhões de inadimplentes, o Sudeste possui 37,4% ou 25,2 milhões de pessoas com contas em atraso. Já na região Sul são 35,5% ou 8,2 milhões de inadimplentes.

Inadimplência é maior entre os idosos

Contudo, os dados do CNDL/SPC Brasil ainda revelam que no último mês de dezembro a alta de idosos inadimplentes entre 65 a 84 anos é de 3,7% em comparação com o mesmo mês do ano anterior. Diferentemente dos jovens de 18 a 24 anos, que apresentaram queda de 21% na quantidade de inadimplentes.

Além disso, houve uma queda no número de devedores que possuem idades entre 25 e 29 anos (-11,2%) e entre 30 a 39 anos (-3,2%).

Contudo, houve uma alta de 1,8% na inadimplência entre as pessoas de 50 a 64, enquanto os que possuem de 40 a 49 anos, o aumento foi menor, de 0,8%.

Leia ainda: Conheça a conta digital e cartão de crédito dos Correios; Vantagem para quem não tem conta ou está negativado

Ajude a fazer o Diário Prime News! Tem dúvidas, críticas ou sugestões de pauta? Fale conosco! Mande email para contato@dpnews.com.br  


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!