Ligação oferecendo empréstimo consignado pode ser bloqueada; entenda

0
194
Idosos podem bloquear ligações com ofertas de empréstimo consignado
Idosos podem bloquear ligações com ofertas de empréstimo consignado

04 de janeiro – Os beneficiários do INSS, funcionários públicos e de empresas privadas que não desejam receber ligações com ofertas de empréstimo consignado podem utilizar o serviço “Não Perturbe” dos bancos.

A plataforma Não Perturbe permite que o usuário solicite o bloqueio de ligações telefônicas com ofertas de empréstimo consignado. Portanto uma das medidas do sistema é combater ao assédio comercial de bancos e financeiras.

A ferramenta foi desenvolvida pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e pela Associação Brasileira de Bancos (ABBC), em parceria com o Ministério da Justiça e Segurança Pública e o INSS.

Leia ainda: Banco Pan oferece cartão de crédito sem consulta ao SPC ou Serasa

Ligação oferecendo empréstimo consignado pode ser bloqueada; entenda
Ligação oferecendo empréstimo consignado pode ser bloqueada; entenda

Empréstimo: saiba como ter acesso a plataforma Não Perturbe

O Não Perturbe permite que o usuário cadastrado solicite o bloqueio de ligações relacionadas a ofertas de serviços de telecomunicações (telefone móvel, telefone fixo, TV por assinatura e Internet) e operações de consignado (empréstimo consignado e crédito consignado).

Para ter acesso ao serviço Não Perturbe, é necessário realizar o cadastro na plataforma. Depois disso informa-se o nome e endereço de e-mail ou o número de telefone, que pode ser fixo ou móvel.

Dessa forma, será possível bloquear as ligações indesejáveis de empréstimo consignado. Vale ressaltar que o bloqueio só é válido 30 dias após o cadastro.

No cadastro, o usuário deve informar o número de telefone para o qual pretende realizar o bloqueio de ligações e a prestadora ou instituição financeira para a qual não quer receber chamadas.

Em relação às instituições financeiras, o bloqueio de ligações não se aplica para confirmação de dados, prevenção a fraudes, realização de cobranças e retenção de solicitações de portabilidade, com ou sem oferta de refinanciamento.

Veja quais são as instituições financeiras participantes

De acordo com o Febraban, a plataforma Não Perturbe reúne 31 instituições, o que representa 98% do volume da carteira de crédito consignado de todo o país.

Sendo assim, as instituições financeiras participantes são: Agibank, Banco Alfa, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Banrisul, Bari, BMG, Bradesco, Bradesco Financiamentos, BRB, BV, Caixa, Cetelem, CCB Brasil, Digio, Daycoval.

Além disso, participam Facta Financeira, Financeira Alfa, Inter, Itaú-Unibanco, Itaú Consignado, Mercantil do Brasil, Mercantil do Brasil Financeira, Olé, PAN, Paraná Banco, Safra, Santander, Sicredi e Zema Financeira.

Leia ainda: Cartão de crédito: BMG oferece opção para funcionários públicos e aposentados

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here