Nome sujo no SPC/Serasa? Santander e Bradesco têm opção de empréstimo; confira

0
173
Está negativado e precisa de empréstimo? Confira essas opções sem consulta ao SPC/Serasa
Negativado no SPC/Serasa? Confira opções de empréstimo do Santander e Bradesco

9 de fevereiro É muito comum consumidores negativados em órgãos como SPC e Serasa, enfrentarem todo tipo de resistência, quando buscam por um empréstimo no mercado de modo geral. Não raro, é possível observar relatos de todos os tipos. Desde dificuldades normais de acesso, até casos de puro constrangimento no momento de uma suposta solicitação de crédito.

Contudo, existem linhas de empréstimo que atendem negativados no mercado financeiro, inclusive, até em grandes bancos isso é possível. Instituições, por exemplo, como o Santander e o Bradesco têm alternativas de crédito que auxiliam parte desse público. Auxiliando, portanto, para que consigam reorganizar suas finanças.

Porém vale aqui a ressalva, de que essas alternativas estão voltadas, exclusivamente, para servidores públicos, aposentados, pensionistas do INSS e até alguns funcionários de empresas privadas. Estamos falando, portanto, do empréstimo consignado.

Leia mais:

Negativado no SPC/Serasa? Confira opções de empréstimo do Santander e Bradesco
Negativado no SPC/Serasa? Confira opções de empréstimo do Santander e Bradesco

Empréstimo consignado oferecido pelo Bradesco e Santander

A opção de empréstimo consignado é considerada uma das linhas de crédito mais baratas e vantajosas disponíveis no mercado atualmente. Em muitos casos, o valor do crédito é depositado no mesmo dia da solicitação.

Para esse tipo de contratação, o usuário tem o dinheiro da parcela do empréstimo retido diretamente na conta salário ou do benefício, descontado na data prevista do vencimento.

Assim, por ter uma certa garantia de pagamento, os bancos e instituições financeiras têm um risco menor de inadimplência e isso se traduz em juros mais baixos e prazos mais longos para pagamento.

Opções sem consulta ao SPC e Serasa

Santander e Bradesco são dois dos maiores bancos que atuam no mercado nacional. Desse modo, confira o que eles têm para apresentar ao cliente negativado no SPC e Serasa.

Santander/Olé Consignado

No empréstimo consignado do Santander, o cliente pode fazer a solicitação do dinheiro diretamente pela Internet.

Dessa forma, funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS devem acessar o site da empresa: www.credito.oleconsignado.com.br ou baixar o aplicativo no celular, tanto para Android como para iOS.

Contudo, se faz necessário informar os dados pessoais, dados sobre os benefícios (para aposentados ou pensionistas), entre outros.

Confira a documentação completa exigida para a solicitação do Olé Santander:

  • Documento de Identificação com foto (RG ou CNH);
  • Contracheque (funcionários públicos);
  • Comprovante de endereço (com emissão de até 3 meses);
  • Foto do rosto frontal (selfie).

Assim, o solicitante deve fotografar os documentos pessoais e anexar junto ao formulário de contratação para a comprovação e verificação das informações.

Taxas cobradas e prazos de pagamento por categoria de convênio:

  • INSS -Taxa média: 1,40% ao mês e prazo médio do empréstimo de 48 a 72 meses;
  • Federal – Taxa média: 1,25% ao mês com prazo médio de 48 a 96 meses para pagar;
  • Estaduais – Taxa média: 1,76%, e o prazo médio de parcelamento é de 36 a 120 meses;
  • Prefeituras – Taxa média: 1,92% e o prazo de pagamento é de 38 a 96 meses.

Bradesco Consignado

Um pouco diferente do Santander, a modalidade de empréstimo do Bradesco também oferece serviços a colaboradores de empresas privadas, mas nesse caso, a empresa deve disponibilizar o acesso junto ao banco.

Para contratar, o interessado deve procurar uma agência do Bradesco.

A documentação necessária para a contratação inclui:

  • Foto de frente e verso dos documentos pessoais, como RG ou CNH;
  • Comprovante de Residência, com validade inferior a 3 meses;
  • Extrato do benefício do INSS ou contracheque.

As cópias e digitalizações, porém, devem estar legíveis e em boa resolução; caso contrário, o pedido pode ser paralisado até que haja a regularização dos documentos conforme o padrão exigido.

Taxa de juros

A taxa de juros parte de 1,26% ao mês, mas vai variar conforme o convênio, assim como os prazos.

Prazos

  • INSS – até 72 meses;
  • Público – até 96 meses;
  • Privado – até 48 meses.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here