Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Mais Lidas

Todo mundo comentando

Caixa anuncia redução nos juros para empréstimo pessoal e imobiliário

Não perca nenhum conteúdo de nosso Blog. Clique no botão abaixo e fique atualizado!

27 de janeiro – A Caixa Econômica Federal anunciou redução nos juros para empréstimo pessoal e imobiliário. Agora, a taxa efetiva mínima do crédito imobiliário para imóveis residenciais, Taxa Referencial (TR) de 6,75 ao ano, passa para 6,5% ao ano.

A redução agrega tanto as concessões pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH), regulamentado pelo governo, quanto pelo Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), de livre negociação.

Entretanto, a redução nos juros dos empréstimos vale para contratos que começaram a ser firmados a partir do dia 16 de janeiro.

Mas para conseguir o benefício é preciso que o cliente decida por receber o salário pela Caixa e construa um bom relacionamento com o banco.

Leia ainda: FGTS: aplicativo da Caixa facilita a vida de quem vai sacar benefício

Caixa anuncia redução nos juros para empréstimo pessoal e imobiliário
Caixa anuncia redução nos juros para empréstimo pessoal e imobiliário

Redução na taxa de juros dos empréstimos segue a queda da Selic

De acordo com a Caixa a medida de redução nos juros do empréstimo pessoal e imobiliário está acompanhando a queda da taxa básica de juros da economia (Selic) que hoje está em 4,5% ao ano.

Além disso, as taxas de juros para o cheque especial também caíram de 4,99% ao mês para 4,95% ao mês, para os clientes do banco e já estão valendo desde o dia 02 de janeiro deste ano.

Em novembro, o Conselho Monetário Nacional (CMN) já havia anunciado que, a partir de janeiro, limitaria os juros do cheque especial em até 8% ao mês.

Caixa oferece novas linhas de empréstimo sem consulta SPC e Serasa

O desemprego tem ligação direta com o endividamento da população. Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) a taxa de desocupação no Brasil atingiu 11,8% até setembro deste ano, o que totaliza 12,515 milhões de brasileiros.

Contudo, a grande maioria das pessoas não estão conseguindo pagar suas dívidas por consequência do desemprego e acabam com o nome sujo no SPC e Serasa.

Mas pensando em atender as necessidades de grande parte da população brasileira, a Caixa lançou duas linhas de empréstimo que poderão ser concedidas para quem esteja com o nome sujo no SPC ou Serasa.

Entretanto, a instituição está utilizando estratégias que demandam algumas garantias para evitar possíveis calotes.

Empréstimo de penhor

Ele funciona da seguinte forma: o solicitante dá algum bem como garantia e durante o período que o cliente estiver quitando as parcelas do empréstimo, o banco fica com os bens penhorados.

Mas tudo ficará guardado em um cofre sob total segurança.

Além disso, o limite para empréstimo pode chegar até 100% do valor da garantia.

As taxas de juros desse tipo de crédito são as menores do mercado, ficando entre 2% e até 2,45% ao mês.

Garantia do FGTS

A outra modalidade é o crédito com garantia do FGTS. O solicitante pode receber um empréstimo de até 50% de seu FGTS, sem a necessidade de consulta ao SPC e Serasa.

Nessa modalidade o pagamento das parcelas é descontado automaticamente da conta corrente do cliente.

Leia ainda: Portabilidade permite pagar taxas menores de empréstimo; entenda

Ajude a fazer o Diário Prime News! Tem dúvidas, críticas ou sugestões de pauta? Fale conosco! Mande email para contato@dpnews.com.br  


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!