Bolsa Família: quem recebe 1.200 vai receber quanto do auxílio emergencial? Saiba mais

0
449
Bolsa Família: quem recebe 1.200 vai receber quanto do auxílio emergencial? Saiba mais
Bolsa Família: quem recebe 1.200 vai receber quanto do auxílio emergencial? Saiba mais - Imagem: Divulgação SEDS

Bolsa Família – A maioria massiva dos beneficiários do principal programa de distribuição de renda do país, o Bolsa Família, passaram a receber valores superiores à renda mensal desde abril devido ao pagamento do auxílio emergencial. Desse modo, com a segunda prorrogação da ajuda financeira paga em razão da pandemia pela Covid-19, quem recebe 1.200 vai receber quanto na sexta parcela?

Bolsa Família: quem recebe 1.200 vai receber quanto do auxílio emergencial? Saiba mais
Bolsa Família: quem recebe 1.200 vai receber quanto do auxílio emergencial? Saiba mais – Imagem: Divulgação G1

Saiba, portanto, como poderá acontecer o pagamento das próximas parcelas do auxílio emergencial que beneficiará as categorias contempladas até dezembro, de acordo com o Governo Federal.

Leia também: Tenho Bolsa Família e não recebi o auxílio emergencial; entenda mais

Quem recebe 1.200 vai receber quanto?

O governo anunciou no início do mês (setembro) a segunda prorrogação do auxílio emergencial, pago à população mais vulnerável tendo em vista a crise pelo novo Coronavírus. Entre as categorias atendidas, estão os beneficiários do Bolsa Família, cuja participação no auxílio representou cerca de 95% do total do programa.

Isto significa que a grande maioria das pessoas que recebem o Bolsa Família e são apatas ao recebimento, estão tendo acesso às parcelas do auxílio emergencial, pois este tem o valor superior.

Sendo assim, o governo ampliou o auxílio pela segunda vez, o qual será pago até dezembro. Contudo, na primeira prorrogação os valores não foram alterados; isto é, as cotas continuaram a ser de R$ 600 e R$ 1.200 (para mães solo).

Já na segunda prorrogação (e provavelmente, última), anunciada no último dia 1º, o governo confirmou o valor de R$ 300 para as quatro próximas parcelas para todos os atendidos: beneficiários do Bolsa Família, microempreendedores individuais (MEIs), desempegados, trabalhadores informais e demais categorias.

Valores ainda indefinidos

Quem recebe 1.200 vai receber quanto na sexta parcela que será paga agora em setembro para beneficiários do Bolsa Família? Acerca disso, o governo ainda não esclareceu se as mães chefes de família vão permanecer recebendo R$ 1.200 ou passarão a receber R$ 300.

Embora o governo não tenha divulgado oficialmente os valores neste caso, segundo estimativas, as próximas parcelas terão os valores diminuídos pela metade. Se acontecer dessa forma com o benefício das mães solteiras, elas poderão receber quatro parcelas de R$ 600.

Portanto, as hipóteses são de três valores:

  • Continuar recebendo R$ 1.200;
  • Receber R$ 600 (metade da cota);
  • Ter acesso aos R$ 300, como as demais categorias.

Os pagamentos seguem o calendário regular do programa, como nos meses anteriores.

Veja ainda: Veja o valor da 6ª parcela do Bolsa Família e seu calendário de pagamento

Calendário Bolsa Família 2020

Determinado pelo NIS, o calendário regular do Bolsa Família tem norteado, desde abril, as datas de pagamento do auxílio emergencial, dessa forma acontecerá até o final do ano, visto que a ajuda financeira será paga por mais quatro meses.

Sendo assim, o pagamento da 6ª parcela de R$ 300 para quem é beneficiário do Bolsa Família segue as datas:

  • NIS terminado em 1 – recebe em 17/09;
  • 2 – 18/09;
  • 3 – 21/09;
  • 4 – 22/09;
  • 5 – 23/09;
  • 6 – 24/09;
  • 7 – 25/09;
  • 8 – 28/09;
  • 9 – 29/09;
  • 0 – 30/09.

Portanto, a 6ª parcela do Bolsa Família relativa ao auxílio emergencial já tem data determinada para ser paga aos beneficiários. Para os outros contemplados, calendários específicos serão divulgados em breve.

Confira agora: Meu Bolsa Família foi cancelado, posso receber auxílio emergencial? Veja

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here