Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Mercado Bitcoin: Banco Peruano utiliza a XRP como forma de pagamento e aderi as criptomoedas

Banco Internacional Del Peru aderi a pagamentos com a criptomoeda XRP do sistema da Ripple


Desde já o mercado bitcoin está em crescente na América latina. No Peru já é possível usar XRPcomo moeda de transação internacional. No Brasil o crescimento da empresa será por meio da educação primordialmente.

Inicialmente o banco Internacional del Peru, abriu essa oportunidade aos clientes do mercado bitcoin, após um ano de testes por meio do sistema da Ripple.

Mercado Bitcoin em alta

A empresa irá alterar para um sistema de serviço de pagamento da Ripple que faz o uso da criptomoeda XRP.

O Internacional del Peru faz parte do top cinco dos bancos mais influentes do país. Bem como foi inovador em escolher a moeda para comandar as transações fora do território peruano para seus clientes.

No total de fundos de capital o Interbancário apresenta US$ 41 bilhões em seu aporte juntamente com valor de mercado em termos ativos.

Mercado Bitcoin
(Imagem: Pixabay)

O que é?

- Advertisement -

O conhecido sistema é uma criptomoeda estável, onde os pagamentos são liquidados instantaneamente. A plataforma do mercado bitcoin foi criada inicialmente para uso empresarial.

Oferecendo aos bancos uma forma confiável para a liquidez de pagamentos internacionais, os provedores aceitaram prontamente, ainda mais que a moeda Xrp expande os alcances de mercado e da mesma forma diminui os custos de câmbio.

Assim a forma como funciona em prática também é atrativa ao cliente. Portanto a tecnologia de código aberto proporciona pagamentos liquidados em até 4 segundos. E à empresa, com retrospecto limpo de cinco anos no mercado bitcoin, tem governança estável perfeita para uso empresarial e institucional.

Mercado Bitcoin e Ripple no Brasil

Enfim à Ripple chegou com seus escritórios no Brasil em 2019, com foco de investimento na América latina. A empresa utiliza a terceira maior criptomoeda, o XRP, atrás apenas da Ethereum e a própria Bitcoin.

O Diretor da Ripple no Brasil é Luiz Antonio Sacco, que comandou a subsidiária The Waranty Group. Empresas como Santander Brasil, Beetech Global e Banco Rendimento utilizam a rede da Ripple para realizar transações em moeda fiduciária.

Portanto o plano de ação é lançar programas educacionais em algumas universidades, como : Universidade de São Paulo e Fundação Getúlio Vargas.

Tudo isso faz parte da estratégia de expansão agora na América do Sul, a informação é que a empresa irá ampliar a atuação em mais circuitos financeiros no país, a possibilidade de contrato é de mais uma dúzia de instituições financeiras.

O continente é visto como a grande aposta do momento, com promessa de rendimentos incríveis.

 

 


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!