Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Mercado BTC: Americanos confiam mais no Bitcoin que em Libra a Criptomoeda do Facebook

Estudos revelam que a popularidade do Bitcoin é maior que a Libra, criptomoeda do Facebook que não demonstra credibilidade diante os históricos de vazamentos de informações da maior Rede Social do Mundo.


Você confia no Bitcoin?

E no Facebook o quanto você confia?

Entre o facebook e o mercado BTC, onde você deposita a sua confiança?

Com o Facebook lançando a sua moeda digital global, a Libra. Uma pesquisa foi realizada nos EUA com o intuito de saber a confiança que as pessoas depositam tanto no mercado BTC, quanto na Libra. O resultado foi surpreendente!

Bitcoin e Libra
Confiança entre o mercado BTC e a Libra criptomoeda do Facebook / Diário Prime.

A pesquisa

A pesquisa em questão foi realizada pela CivicScience e entrevistou 1.799 norte-americanos. Destas apenas 36 pessoas ou 2% do grupo analisado, disse confiar na nova moeda do Facebook.

No entanto, quando falamos sobre Bitcoins os números de pessoas que confiam sobem para 40% e 19% confiam nas duas.

Contudo, deste grupo entrevistado, apenas 10% já investiram alguma vez em criptomoedas.

Impopularidade por falta de privacidade

“Semelhante à quando o mercado BTC surgiu misteriosamente há dez anos e trouxe consigo a corrida do ouro da criptomoeda, ninguém realmente sabe o que esperar quando algumas das maiores corporações do mundo colaboram para criar sua própria versão. Independentemente disso, é definitivamente uma tendência empolgante para assistir.”

Essa impopularidade se dá por conta dos escândalos envolvendo o Facebook e os dados dos seus clientes. Como por exemplo o escândalo da Cambridge Analytic.

- Advertisement -

Isso fica bem claro na pesquisa, afinal, quando os entrevistados são questionados sobre a confiança dos seus dados no Facebook. 77% das pessoas não confiam na empresa com os seus dados pessoais já 2% disseram confiar totalmente no Facebook.

Todavia, outro fator que ajudou muito nessa impopularidade na Libra diante as criptomoedas e exclusivamente o bitcoin, foi a falta de interesse das pessoas pela moeda virtual. Dos entrevistados, apenas 5% disseram ter algum tipo de interesse.

Essa pesquisa foi igualmente lançada em diferentes partes do mundo. Uma dessas foi feita no App de mensagens instantâneas Viber e concluiu que 49% das pessoas entrevistadas no Reino Unido não confiam na nova moeda do Facebook.

Já na Alemanha, no dia 23/7 a instituição Bürgerbewegung Finanzwende publicou uma pesquisa em que diz que 71% dos alemães não confiam na moeda do Facebook, enquanto 12% aceitam tranquilamente a nova moeda.

Uma outra pesquisa realizada com um número maior de pessoas, a fim de saber se elas já tinham ouvido falar em mercado BTC ou alguma outra moeda virtual. O que se descobriu foi que 79% dos entrevistados já tinham ouvido falar de alguma forma sobre as moedas digitais. Contudo, apenas 5% já tinha investido em alguma delas, com metade não tendo boa experiência.

Jovens aceitam mais a Libra que o mercado BTC

A pesquisa apontou outros pontos bastante interessante, que foi o fato da aceitação da Libra ser maior entre o público de faixa etária que vai dos 18 aos 24 anos, eles representaram 30% dos interessados.

A segunda maior faixa etária foi de 25 a 29 anos, marcando 18% dos interessados e 7% dos maiores de 65 anos.

No entanto, segundo a CivicScience, necessita de mais pesquisa para entender os altos níveis de desconfiança entre o Bitcoin e a Libra.

Cursos:

Livros fantásticos pra aprimorar seu conhecimento:

 


Para obter mais conteúdos siga o Diário Prime no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!