Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

UFC ao vivo: Cejudo x Moraes (9/06) no UFC 238

No início do domingo (9/06), começou a disputa do UFC ao vivo de Chicago valendo o cinturão no main event entre Cejudo e Moraes. A edição numerada 238 do evento ocorre no icônico United Center. Palco dos grandes feitos de Michael Jordan com o Chicago Bulls. Vitória de Cejudo por nocaute no terceiro round.

Como tradicionalmente no UFC ao vivo, o Brasil buscou o topo. Anteriormente a luta principal, Pedro Munhoz faz uma das batalhas esperada, que acabou sendo muito acirrada. O desafio do galo brasileiro foi com Aljamain Sterling. Na decisão dos juízes, vitória de Sterling por unanimidade em triplo 30 a 27. Ele deve ser próximo desafiante ao título dos galos contra Cejudo.

Trajetórias de Munhoz e Cejudo

Siga o Diário Prime no Google News. Receba de graça os melhores conteúdos, Loterias, Futebol ao Vivo, Finanças, em primeira mão.

Quando se juntou ao UFC ao vivo há dois anos, o brasileiro Marlon Moraes, já tinha reconhecimento dos admiradores mais aficionados das artes marciais mistas. Em virtude de que Moraes era campeão do WSOF, possuindo nada menos que seis defesas de cinturão. O lutador de Nova Friburgo foi jogado aos leões em sua estreia, ao ser colocado de frente com Raphael Assunção em evento no Rio de Janeiro. Marlon acabou derrotado em decisão dividida dos juízes.

Leia também: UFC confira as TOP 5 melhores “luta da noite” de 2019

Foto: reprodução Twitter UFC / Não foi tão tranquilo quanto beisebol mas Cejudo manteve o cinturão / UFC ao vivo
Foto: reprodução Twitter UFC / Não foi tão tranquilo quanto beisebol mas Cejudo manteve o cinturão / UFC ao vivo

Porém, desde esse revés, ele não sabia o que era o gosto amargo de perder. Além disso, sucedia performances de alto nível. Uma melhor do que a outra. Entre esses triunfos estava incluído um nocaute em poucos mais de meio minuto sobre Jimmie Rivera. Essa é a sexta vitória mais rápida da história do peso no UFC ao vivo. Ademais, se vingou contra Assunção ao finalizar o compatriota no primeiro round.

Henry Cejudo, rei do peso-mosca, entrou no octógono com dois feitos que realmente causam impressão e impacto: tirar o cinturão do até então dominante Demetrious Johnson e nocautear em fração de segundos o ex-campeão dos galos TJ Dillashaw. Marlon é mais um na conta de Henry no UFC ao vivo>

UFC ao vivo: o main event entre Henry Cejudo e Marlon Moraes

Moraes começou apostando em chutes variados. Ambos os lutadores querem a troca de golpes. De início, ninguém tentou levar o combate para o chão. Moraes teve vantagem ampla no primeiro assalto. Entretanto, no segundo Cejudo devolve o atraso. Ele acertou duas vezes o rosto do brasileiro. Em clinch o americano aplica cinco joelhadas.

A partir da metade do segundo round Cejudo passa a ter total domínio da luta. Castigou o brasileiro com muitas joelhadas e com jabs que mais pareciam diretos. Moraes não conseguiu bloquear os jabs e manteve a guarda aberta. Foi o início do caminho da derrota.

Terceiro rouns, seguem as joelhadas do pupilo dos irmãos Pitbull. Moraes acusa dedo olho e luta é rapidamente interrompida no round intermediário. Cejudo coloca Marlon no chão e consegue sequência de duras cotoveladas. As cotoveladas entram com tudo no rosto do brasileiro que vai à nocaute. Fim do sonho.