Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Em 2006, Massa venceu pela primeira vez no Brasil em prova que teve despedida de Schumacher e título de Alonso

Disputado no dia 22 de outubro de 2006, aquele Grande Prêmio do Brasil foi um dos mais marcantes da Fórmula 1. Além de consagrar Fernando Alonso como bicampeão, também foi a primeira despedida de Michael Schumacher da categoria. Para completar Felipe Massa venceu pela primeira vez em Interlagos.

Essa prova, que encerrou aquela temporada, foi reprisada na íntegra no passado domingo (19), às 17 horas, pelo canal por assinatura SporTV2.  Por conta do cancelamento e adiamentos dos eventos esportivos, consequência do coronavírus, o canal reservou essa faixa em sua programação para reprisar GPs históricos da Fórmula 1.

Fórmula 1: prova que decidiria o campeão teve pole de Massa

Siga o Diário Prime no Google News. Receba de graça os melhores conteúdos, Loterias, Futebol ao Vivo, Finanças, em primeira mão.

Leia Também: Campeão da Fórmula 1 não inclui Massa e Barrichello da lista dos melhores contra quem correu

Pelo segundo ano consecutivo, Fernando Alonso chegava a Interlagos para tentar se sagrar campeão. Na temporada anterior ele havia vencido a disputa com Kimi Haikkonen, então piloto da McLaren, e agora tinha pela frente Michael Schumacher. Para o espanhol bastava apenas pontuar para levantar o caneco ou o alemão não vencer.

Fórmula 1 voltou a ter um brasileiro vencendo em casa. Crédito: Reprodução YouTube
Fórmula 1 voltou a ter um brasileiro vencendo em casa. Crédito: Reprodução YouTube

Em meio a tudo isso, havia uma Felipe Massa ainda embalado pela primeira vitória na carreira, ocorrida duas etapas antes, no GP da Turquia.

Com direito a macacão especial com as cores da bandeira brasileira, Massa cravou a pole, largando ao lado de seu futuro companheiro Kimi Raikkonen. Alonso foi o quarto colocado enquanto Schumacher, com problemas no Q3, partiu apenas da décima posição.

Fórmula 1: Interlagos volta a ver uma vitória brasileira após 13 anos

Leia Também: Relembre como foi a segunda vitória de Ayrton Senna em Interlagos

A largada se deu com Massa mantendo sua posição enquanto Alonso seguiu cauteloso em quarto lugar. Schumacher por sua vez dava um show à parte, ganhando posições. Mas após um leve toque em Fisichella, ele teve um pneu furado e caiu para o fim do grid.

De calçados novos, o Ferrarista transformou sua despedida em um grande espetáculo. Demostrado o arrojo que lhe acompanhou durante toda a carreira, ele foi escalando o pelotão e cruzou a linha de chegada em quarto lugar.

Massa celebra primeira vitória no Brasil. Crédito: Reprodução YouTube
Massa celebra primeira vitória no Brasil. Crédito: Reprodução YouTube

Massa, por sua vez, fez uma corrida segura e só perdeu a liderança para Alonso, por duas voltas, quando parou para trocar pneus. Ao cruzar a linha de chegada ele se tornou o primeiro, e único até hoje, brasileiro desde Ayrton Senna, em 1993, a se consagrar na pista paulistana.

Fórmula 1: saiu um hepta, chegam dois multicampeões

Com a aposentadoria de Schumacher a Fórmula 1 dava a impressão que passaria a ter sua era Alonso, que estava de contrato assinado com a McLaren.

Mas logo no ano seguinte surgiram dois nomes que não demorariam a dominarem a categoria até os dias de hoje: Lewis Hamilton e Sebastian Vettel.

Leia Também: Há 26 Anos, Barrichello Conquistava Seu Primeiro Pódio Na Fórmula 1