Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Há 26 anos, Barrichello conquistava seu primeiro pódio na Fórmula 1

Há exatos 26 anos, no dia 17 de abril de 1994, o piloto brasileiro Rubens Barrichello conquistava seu primeiro pódio na Fórmula 1. Ele foi o terceiro colocado no Grande Prêmio do Pacífico, nome que dado a prova disputada em Aida, no Japão, que pela primeira vez recebia uma corrida da categoria.

A prova foi a segunda etapa do Mundial de Fórmula 1 daquela temporada e antecedeu o fatídico Grande Prêmio de Ímola, que ocasionou a morte de Ayrton Senna. Aliás, essa prova nipônica durou apenas alguns metros para o tricampeão, que se envolveu em um acidente logo na largada.

Também foi a única corrida do austríaco Roland Ratzenberger, que assim como o brasileiro, perdeu a vida em Ímola.

Fórmula 1: pole, Senna é tirado da corrida na primeira curva

Siga o Diário Prime no Google News. Receba de graça os melhores conteúdos, Loterias, Futebol ao Vivo, Finanças, em primeira mão.

Leia Também: Há 27 anos, Senna fazia a melhor primeira volta da história da Fórmula 1

Em uma época em que havia dois treinos oficiais, um na sexta e outro no sábado, Senna conseguiu sua penúltima pole marcando o melhor tempo ainda na sexta. Mas a prova durou pouco para o piloto da Williams que logo na largada foi tocado pelo ex-companheiro de equipe Mika Hakkinen. Ele rodou e foi atingido por Nicola Larini, da Ferrari, tendo que abandonar sua segunda corrida consecutiva.

Senna viu sua corrida em Aida acabar logo na primeira curva. Reprodução YouTube
Senna viu sua corrida em Aida acabar logo na primeira curva. Reprodução YouTube

O caminho ficou livre para Michael Schumacher vencer pela segunda vez na temporada e abrir 20 pontos de vantagem sobre Senna, até então seu principal oponente na luta pelo título. Gerhard Berger, único a completar a corrida na mesma volta do alemão, foi o segundo, enquanto que um surpreendente Barrichello foi o terceiro.

Fórmula 1: de oitavo para o segundo lugar

Logo após conhecer a pista, Barrichello percebeu que o traçado não exigia tanto do motor então passou a trabalhar no balanceamento do carro. No grid, ele conseguiu um ótimo oitavo lugar, atrás apenas dos dois carros da Williams, das duplas da Ferrari e da McLaren, além da Benetton de Schumacher.

Leia Também: Campeão Da Fórmula 1 Não Inclui Felipe Massa E Rubens Barrichello Da Lista Dos Melhores Contra Quem Correu

Enquanto a maioria dos competidores planejava realizar três paradas para reabastecimento e trocas de pneus, o piloto da Jordan iria para estratégia de duas paradas.

Barrichello acelera para conquistar seu primeiro pódio na Fórmula 1. Crédito: reprodução YouTube
Barrichello acelera para conquistar seu primeiro pódio na Fórmula 1. Crédito: reprodução YouTube

Os eventos da largada ajudaram o brasileiro a escalar o pelotão. Depois de ver Senna e Larini na terra e superar Martin Brundle, Barrichello subiu para o quinto lugar e ganhou mais uma posição após a rodada de Damon Hill. O piloto da Williams reagiu e poucas voltas depois conseguiu superar o brasileiro. Com uma estratégia diferente, Barrichello retardou a primeira parada e chegou ao segundo lugar na 27ª volta.

Fórmula 1: Barrichello se torna o piloto mais jovem a subir ao pódio

Parando pela primeira vez no 31º giro, Barrichello foi devolvido à pista na quarta colocação, atrás de Schumacher, Berger e Hill. No entanto, o piloto inglês ficaria pelo caminho após um problema de transmissão e o brasileiro alçou o terceiro posto, que ficou ameaçado.

Em sua segunda rodada de pit stop, Barrichello deixou seu motor apagar e ele acabou perdendo tempo nos boxes. Com isso, Martin Brundle assumiu a terceira colocação, mas um superaquecimento no motor o também fez sair da prova. Melhor para Barrichello, que voltou a alcançar o terceiro lugar e se tornou, na época, o piloto mais jovem a subir ao pódio.  De quebra, ele ainda saiu de Aida como vice-líder do campeonato.

Também não pode deixar passar batida a ótima corrida de Christian Fittipaldi. Guiando uma Footwork, ele alcançou um primoroso quarto lugar após lagar da nona posição.

Leia Também: Morre Stirling Moss, considerado o maior piloto sem título da Fórmula 1