Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Deputada evangélica seria a -Bolsonaro de saias-, nem os filhos são mais parecidos

A deputada evangélica Joyce Hasselmann (PSL-SP),  jornalista com passagens por vários veículos de comunicação, entre eles a Revista Veja, foi a mais votada parlamentar para deputada federal com 1.078.666 votos.

E numa entrevista a Revista eletrônica Crusoé com o sugestivo título :  Uma  Deputada do Barulho, Joice Hasselmann  falou da sua semelhança em estilo com o presidente eleito Jair Bolsonaro, e acredita que é mais parecida com o presidente eleito do que qualquer um de seus próprios filhos.

Joyce Hasselmann, deputada evangélica, eleita nas útimas eleições.- Foto. Folha Uol
Joyce Hasselmann, deputada evangélica, eleita nas últimas eleições.- Foto. Folha Uol

Deputada Joyce Hasselman a -Bolsonaro de Saias–Sou a cara do Jair Bolsonaro dentro do PSL. Sou mais parecida com o Jair do que os próprios filhos dele dentro do partido, porque a gente é muito alinhado em muita coisa. Tem estilo parecido e até o jeito meio intrépido. A diferença é que ele é militar, e eu sou mais polida. Porém, tão ou mais forte que ele no embate. A gente é muito parecido de alma. É como se fosse um xerox de alma-

Joyce está travando uma batalha pela liderança dentro do partido PSL,  contra Eduardo Bolsonaro, filho do presidente eleito e deputado eleito. E também contra o líder do partido em São Paulo, o mais bem votado parlamentar Major Olímpio.

Eduardo Bolsonaro - foto Uol Noticias
Eduardo Bolsonaro – foto Uol Noticias

Na briga com Eduardo Bolsonaro, ela foi acusada de:

…atropelar qualquer um que esteja à frente de seus objetivos.-

Mas ela retrucou dizendo que ele

–deve crescer e parar de mandar recadinhos infantis pelo twitter-. Enfim, disse que aquilo era – molecagem.

As tensões segundo a reportagem veem de longe, desde as articulações para a candidatura, quando ela pretendia concorrer a governadora, mas foi barrada pelo líder do partido Major Olímpio com a ajuda de Eduardo Bolsonaro.

Muito inteligente a deputada eleita se aproximou da esposa de Bolsonaro, Michele, e dá palpites para a cerimônia de posse em janeiro. Vai assim ocupando os espaços que pode. E não para nunca.

Costuma começar cedo e ir madrugada adentro em várias reuniões com políticos e empresários, se mostrando como interlocutora e principal referência do governo no congresso. Conforme ela própria disse:

-Eu tenho tentáculos na transição. Acompanho um pouco de tudo. O céu é o limite-